Super Kart Brasil: Jimenez vence duas provas na Graduados

29 de janeiro de 2011

A disputa da segunda edição do Super Kart Brasil (SKB) já começou no Kartódromo de Interlagos, em São Paulo (SP). A competição idealizada pelos multicampeões Sérgio Jimenez, Paulo Carcasci, os irmãos Dennis e Danilo Dirani, Ruben Carrapatoso, André Nicastro e Renato Russo, começou muito bem para o primeiro citado. Com duas vitórias nas duas baterias da Categoria Graduados disputadas neste sábado (29/01), Jimenez somou os 40 pontos possíveis no dia – 15 da primeira prova e 25 da segunda – e deu um grande passo rumo à conquista do torneio.

“Hoje foi bem legal. Consegui vencer as duas provas e somar o máximo de pontos possíveis hoje (sábado), o que isso me deixa em uma boa situação para as duas baterias de amanhã (domingo), mesmo sabendo que as corridas que faltam têm pontuação mais alta e que o campeão será quem conquistar mais pontos na soma das quatro baterias”, comemorou o piloto.

As duas corridas restantes, somadas, valem 50 pontos. Jimenez demonstra confiança e relata como fez para vencer as duas provas já realizadas. “Pelo regulamento do campeonato, na tomada de tempo a melhor volta conta para a definição do grid da primeira bateria do dia e a segunda volta mais rápida determina sua posição de largada na segunda corrida. Na primeira, que é mais curta, com apenas 13 voltas, parti em quarto e pulei para terceiro logo na largada. Depois fui para cima com cautela e consegui conquistar a primeira posição”, contou o hexacampeão brasileiro de kart, que seguiu descrevendo como foi a segunda bateria.

“Na outra prova, larguei em segundo, mas, por estar do lado de fora, na primeira curva cai para terceiro. Mais uma vez, fui cuidadoso, até porque estava com os pneus gastos da primeira corrida, já que aqui em Interlagos os compostos estão tendo muito desgaste, e soube o momento certo para atacar. Depois que assumi a primeira colocação consegui abrir uma boa vantagem, de mais de meio segundo, e fechar as 22 voltas em primeiro”, completou.

Sabendo da importância das duas baterias deste domingo, Jimenez garante que, mesmo com as duas vitórias neste primeiro dia de competição, ainda tem como melhorar seu equipamento. “Ainda vamos mexer em algumas coisinhas no kart para as corridas de amanhã para manter este desempenho e conquistar a segunda edição do Super Kart Brasil”, encerrou.

O SKB distribui R$ 40 mil em premiação, dos quais R$ 20 mil são oferecidos em dinheiro e a outra metade é em equipamentos para os melhores colocados de cada uma das cinco categorias em disputa: Super Cadete, Junior, Graduados, Shifter e Sênior.