Peugeot lança o 408 no Brasil

15 de fevereiro de 2011

Com o lançamento no Brasil do novo sedã 408, a Peugeot dá sequência à ofensiva comercial adotada em 2010 e que tem conferido uma postura ainda mais dinâmica para a Marca no país, seu mercado prioritário na América Latina.

A chegada deste novo produto representa a entrada no disputado segmento de sedãs médios com um modelo de última geração. Para isso, a Marca criou uma receita que reúne os seguintes ingredientes: estilo inconfundível, amplo espaço interno valorizado pelo acabamento superior, dirigibilidade de alto nível e generosidade tecnológica. Tudo isso sem abrir mão da esportividade característica dos veículos Peugeot.

O 408 é o primeiro veículo a circular no país ostentando o novo logotipo do Leão, que apresenta uma postura mais dinâmica e pura, valorizando e reforçando a identidade da Marca Peugeot.

O 408 possui design sedutor que desperta emoção e inspira um elevado nível de qualidade. Em seu interior, os materiais nobres e a fluidez das linhas do posto de condução confirmam as sensações anunciadas pelo estilo externo do 408.

O 408 é um três volumes generoso em suas medidas. Com arquitetura semi-elevada, que proporciona uma enorme sensação de espaço, possui um comprimento de 4,69 metros, uma largura de 1,815 metro e um entre-eixos de 2,71 metros.

Na frente, os ocupantes usufruem de um ambiente dinâmico e de qualidade, que favorece o prazer de conduzir, enquanto os passageiros traseiros desfrutam de um habitáculo de grande luminosidade, confortável e muito espaçoso. O amplo porta-malas, com abertura pantográfica e ótimo acesso a carga, oferece uma capacidade de 526 litros, um dos maiores do segmento.

Para se tornar uma das referências do mercado, o 408 dispõe de tecnologias e equipamentos de auxílio à condução de última geração. É o caso, em especial, da tela de navegação retrátil eletricamente, em cores, de 7 polegadas, inédita no continente sul-americano, ou ainda dos faróis bi-xenon direcionais, do auxílio ao estacionamento dianteiro e traseiro, entre outros.

O Peugeot 408 vem equipado com a motorização 2.0 l Flex 16 V, com uma potência máxima de 151 cv a 6.000 rpm (quando abastecido com etanol) e um torque máximo de 22 mkgf a 4.000 rpm. Compacto e de liga leve, este motor é proposto com um câmbio manual de cinco marchas e com o novo câmbio automático AT8.

Para quem busca ainda mais sofisticação e o que há de mais moderno em tecnologia automotiva, a partir do segundo semestre, a Peugeot, de forma inovadora, passará a disponibilizar também para a versão topo de gama do modelo a opção do motor 1.6 l16V Turbo High Pressure, de 165 cavalos. Ele virá acoplado a uma caixa automática sequencial de seis velocidades.

O novo Peugeot 408 é produzido na fábrica da PSA Peugeot Citroën em Palomar, situada na região metropolitana de Buenos Aires, e será comercializado em toda a rede de concessionárias Peugeot no Brasil a partir da segunda quinzena do mês de março de 2011.

Allure (manual): R$ 59.500,00
Allure (automático): R$ 64.500,00
Feline (automático): R$ 74.900,00
Griffe (automático): R$ 79.900,00