No último dia de testes em Barcelona Nick Heidfield encerra trabalho na Lotus-Renault

21 de fevereiro de 2011

O último dia em Barcelona viu o piloto alemão Nick Heidfielde de volta no cockpit da Lotus-Renault. A participação do tudesco era aguarda com muita expectativa, já que ele havia impressionado ao experimentar o carro preto e dourado nos testes de Valência, também na Espanha, e que se tornara a principal arma da equipe francesa para disputar as posições mais nobres do grid na temporada 2011 da Fórmula Um.

Após 95 voltas, Heidfield conseguiu o tempo de 1:23.657  como a mais sua rápida, sendo o quarto na posição final entre aqueles que foram à pista .  No R31 a nova asa dianteira foi montada sobre o carro e a equipe realizou alguns mapeamentos aéreos para avaliar a sua eficácia. As primeiras impressões foram positivas.  Hoje a Renault completou a sua primeira corrida de simulação de distância.

“De manhã não fomos capazes de fazer a maioria do nosso programa, porque tivemos um problema com o Kers. É uma pena, porque o tempo de pista é muito limitado, mas é obviamente melhor ter problemas durante os testes antes do início da temporada. Na parte da tarde começamos a simulação de corrida, que foi razoavelmente bem. Estávamos usando compostos de pneus diferentes. Nós aprendemos muito em termos de acertos”, revelou o piloto.

Foto: Lotus/Renault.