Red Bull não descarta produzir seus próprios motores

23 de março de 2011

Dietrich Mateschitz mais uma vez negou-se a descartar a possibilidade de a Red Bull produzir o seu próprio motor para a Fórmula 1.

A colaboração da equipe com a Renault se aprofundou com o novo patrocínio da marca de luxo da Nissan, a Infiniti, mas o dono Mateschitz disse que as novas regras para 2013 significam que a idéia da Red Bull fazer seus próprios motores “não é mais um absurdo”.

Nos últimos anos, a Red Bull admitiu suas preocupações em relação ao motor Renault não ter o mesmo ritmo dos Ferrari e Mercedes.

O bilionário austríaco Mateschitz disse ao jornal ‘Der Standard’: “Não é nossa intenção ser uma montadora, e espero que tenhamos sempre a oportunidade de adquirir motores competitivos. Por outro lado, eu nunca diria nunca.”

Fonte: F1Mania.net – redacao@f1mania.net