Dupla feminina completa mais uma etapa do rally dos Sertões

13 de agosto de 2011

A caravana do 19º Rally Internacional dos Sertões está ainda no Tocantins, segundo dos cinco estados da edição 2011. Pioneira entre as mulheres no off-road, a piloto Helena Deyama ao lado da navegadora Joseane Koerich há três anos, vem ao longo dos últimos anos conquistando importantes resultados nas trilhas de competições pelo país. E, neste sábado (13) a dupla concluiu com muito empenho a quarta etapa do Sertões, sendo a mais curta até agora entre as cidades de Gurupi e Porto Nacional, contendo 206 quilômetros no total do dia, com 142 quilômetros de percurso cronometrado.

Helena, da equipe Luart Rally, participa do Rally dos Sertões pela 12ª vez e relatou como foi à emoção do rali neste sábado. “A equipe da Dunas (organizadora do rali) criou variantes no roteiro, e nos brinda um verdadeiro cross-country, com os mais variados terrenos e dificuldades a serem superadas, bem planejado, criativo e seletivo, gostoso de fazer. A especial de hoje não forçou muito o nosso ‘Príncipe’ (Mitsubishi L200 RS) como nos últimos dias, mas receberá uma atenção especial da equipe para enfrentar a etapa Maratona que começa amanhã”.

Continua. “O Sertões está com uma característica interessante, de a cada dia poder ser um rali diferente. E hoje foi completamente diferente dos outros dias, um rali muito rápido com trechos de alta, atingi a velocidade máxima que o carro consegue e no meio teve um trecho mais travado, totalmente inédito. Uma característica aqui do Tocantins, muito travado de areia. E comentei com a Josi: já chegamos próximo ao Jalapão! Chegamos cedo por volta de três da tarde no parque de apoio e vamos cuidar da preparação do meu Príncipe para ele aguentar três dias de maratona”.

Josi compete pela 9ª vez no Rally dos Sertões, e diz que a navegação tem sido muito exigida. “Por ser um rali extremamente exigente, longo e disputado, cada detalhe faz com que nos obriguemos a pensar em tudo que possa fazer a diferença no meio da especial. Por isso, prefiro uma planilha que me prenda a atenção do que aquelas que dão chance de desconcentrar e cometer um erro. Hoje foi uma etapa muito curta para termos tempo de cuidar do carro e de nós, equipe e piloto, para a etapa Maratona. A quarta etapa foi bem tranquila, especial curta e light. A proposta da organização de chegar cedo acertou em cheio, ainda há muito sol, que dá tempo de fazer uma boa preparação para amanhã”, enfatizou.

Foto: D Fotos – Divulgação.