Régis e Rogério lideram categoria Super Production

15 de agosto de 2011

Eles vêm acelerando fundo neste Rally dos Sertões 2011, nem mesmo a etapa mais difícil de toda a competição, a chamada etapa maratona, foi capaz de atrapalhar o excelente desempenho que o piloto Régis Braga e o navegador Rogério Almeida vêm mantendo etapa após etapa. Pelo contrário, cheios de garra e talento, os competidores da equipe Bahia Rally, fecharam a especial de hoje (14) com um tempo de 04h15m43s, alcançando a liderança na categoria Super Production. “Hoje a estratégia era completar bem e deu mais do que certo”, revelou Régis.

A bordo da Mitsubishi L200 RS, a dupla, iniciou a etapa de hoje percorrendo um deslocamento inicial de 144 quilômetros até a linha de largada. Na especial, de 340 quilômetros no total, Régis e Rogério, além das areias do famoso Jalapão, também enfrentaram dificuldades no veículo.

“A turbina, que apresentou problemas nas etapas anteriores, hoje ainda não estava rendendo o suficiente apesar das melhorias que a equipe fez. Mas por um lado bom, não esquentamos de jeito nenhum, ela estava com 1.4 de pressão, então aliviávamos quando era necessário e quando passamos pelo Bertolini (que estava em primeiro na Super Production), vimos que iríamos conseguir uma boa vantagem, então não arriscamos mais e fizemos o restante do percurso tranquilos”, contou o piloto.

Apesar das complicações na turbina, o navegador Rogério revela que gostou desta 5ª etapa do rali, considerada por muitos, uma das mais difíceis. “A especial foi ótima, bem completa, com muita navegação. Nossas maiores dificuldades foram as ultrapassagens que fizemos, mas uma etapa bacana”, disse.

E Régis, entusiasmado, completa: “Gostei do percurso, trechos rápidos e outros travados, onde me destaco, ainda mais com a condição da turbina que o carro se encontrava, soubemos explorar direitinho essa oportunidade. Estou muito feliz, o Rogério tem trazido toda sua competência e a equipe está sensacional”.

Foto: Theo Ribeiro – Divulgação.