Baumgart e Andreotti chegam em sétimo lugar na oitava etapa dos Sertões

17 de agosto de 2011

A expectativa dos competidores a respeito da dificuldade do Sertões 2011 vem se confirmando dia a dia. Nesta quarta-feira (17), oitavo dia do rali, a dupla do X Rally Team (Equipe Mitsubishi Brasil), formada pelo piloto Cristian Baumgart e pelo navegador Beco Andreotti, terminou a etapa na sétima colocação, com 2h27min03s para percorrer os 160 difíceis quilômetros da especial.

“Mais um dia de quebradeira. Tenho que dizer que neste Sertões nós mal tivemos tempo de respirar”, comentou Baumgart, que liderava a competição na categoria Protótipos T1 até o sexto dia, quando teve de forfetar (abandonar) a etapa e com isso caiu várias posições. “Na verdade, só no quarto e no sétimo dia foi que pudemos acelerar mais, foram especiais mais rápidas. Porém, via de regra, este Sertões tem sido de muita quebradeira”, ressaltou Andreotti.

Tão difícil que a outra dupla da equipe, Marcos Baumgart e Kleber Cincea, foram forçados a deixar o rali em virtude de dificuldades técnicas. “Hoje também foi um dia de muita quebradeira, com muito trial. Contando os deslocamentos inicial e final, ficamos sete horas e vinte minutos sacudindo dentro do carro”, lembrou Cristian.

“A intenção agora é chegar ao final do Sertões. Tínhamos aspirações maiores, mas é disso que se trata este rali: superar obstáculos, desviar das dificuldades. Chegar ao final do maior rali do mundo disputado dentro de um único país é, por si só, uma vitória. E é este o nosso objetivo a partir de agora, já que tivemos de abrir mão de lutar pelo título”, concluiu o piloto.

Foto: Gabriel Barbosa/Fotoarena – Divulgação.