Fabio Fogaça estreia com pódio no Velopark

21 de agosto de 2011

O sorocabano Fabio Fogaça estreou com pódio neste domingo (21), no circuito do Velopark, durante a quarta etapa do Campeonato Brasileiro de Marcas realizada no mais novo circuito do Rio Grande do Sul. Apesar de ter tido o primeiro contato com a pista gaúcha somente neste fim de semana, Fogaça foi um dos destaques da corrida de encerramento da rodada dupla do Velopark, que terminou com a vitória do piloto da casa Claudio Ricci.

Segundo colocado no grid, ele assumiu a liderança na largada e permaneceu na ponta até a terceira volta, quando foi ultrapassado por Ricci. Depois do pleno aquecimento dos pneus de seu Ford Focus, a partir da sexta volta, Fabio voltou a disputar o primeiro lugar, trazendo com ele Allam Khodair. No final da corrida, ele ainda protagonizou intensa disputa com Daniel Serra, e se manteve em segundo até a bandeirada final.

“O acerto do meu carro não me permitia ser muito rápido com os pneus ainda frios, por isso eu sabia que minha maior chance de assumir a liderança era mesmo na largada. Consegui pular na frente, mas não deu para segurar o Ricci e só consegui andar no ritmo dele novamente a partir da sexta volta. Até cheguei a me aproximar a ponto de tentar a ultrapassagem, mas vi que seria difícil em razão das características do circuito e preferi, então, ficar atento ao terceiro colocado para garantir o pódio”, comentou o sorocabano.

O que mais chamou a atenção na corrida de Fabio Fogaça foi sua capacidade de concentração mesmo sob intensa pressão de Claudio Ricci, Allam Khodair e, no final, do líder do campeonato, Daniel Serra. O sorocabano não cometeu erros nem mesmo quando foi ultrapassado por Ricci, e defendeu de forma eficiente a segunda posição durante praticamente toda a corrida.

“Quando assumi a ponta na largada sabia que teria um grande desafio, que era segurar a liderança sem que meu carro estivesse em condições de dar o melhor rendimento. Quando estava em segundo e vi que não teria como passar o Ricci, e procurei defender a posição sem mudar demais o traçado para não virar presa fácil para o Khodair e depois para o Serra. Deu tudo certo e estou muito feliz por voltar ao pódio em uma corrida no Brasil”, acrescentou.

Apesar de ser um dos mais jovens pilotos do Brasileiro de Marcas, Fabio está acostumado a competir contra adversários experientes e de grande qualidade técnica. Durante um ano e meio, ele dividiu o grid com ex-pilotos de Fórmula 1 e estrelas do automobilismo argentino na Top Race V6, uma das principais categorias do país vizinho – guiando um Ford Mondeo de 350 cv.

“A corrida de hoje foi ótima e conquistamos um resultado triplamente positivo. A prova foi boa para mim, por ter me trazido meu primeiro pódio na categoria, e foi boa para a equipe Officer ProGP, por ter sido a nossa melhor apresentação neste ano. Além disso, foi excelente para a Ford, que fez dobradinha comigo e com o Claudio Ricci. Vou levar boas recordações desta estreia no Velopark, e depois dela vamos para as três últimas rodadas da temporada com a expectativa renovada”, encerrou o sorocabano.

As próximas corridas do Campeonato Brasileiro de Marcas serão no Rio De Janeiro (25 de setembro), em Brasília (30 de outubro) e em Curitiba (20 de novembro). Passadas as quatro primeiras rodadas duplas do calendário, Daniel Serra lidera a competição com 109 pontos, seguido por Valdeno Brito (106) e Thiago Marques (102). Veja como terminou a etapa deste domingo no Velopark:

Corrida 2
1) Claudio Ricci (Focus), 28 voltas em 30min26s703
2) Fabio Fogaça (Focus), a 1.013
3) Daniel Serra (Civic), a 1.436
4) Allam Khodair (Civic), a 2.891
5) Thiago Marques (Astra), a 4.244
6) Alceu Feldmann (Civic), a 6.530
7) Atila Abreu (Astra), a 10.925
8) Thiago Camilo (Astra), a 11.487
9) Felipe Maluhy (Focus), a 11.753
10) Valdeno Brito (Astra), a 12.140
11) Gustavo Martins (Focus), a 21.037
12) William Freire (Corolla), a 21.198
13) Fabio Carbone (Civic), a 35.094
14) Pierre Ventura (Civic), a 50.313
15) Rodrigo Miguel (Corolla), a 50.465
16) Raphael Abbate (Corolla), a 7 voltas
17) Galid Osman Junior (Astra), a 9 voltas
18) Carlos Eduardo Padovan (Civic), a 16 voltas
19) Denis Navarro (Corolla), a 23 voltas
20) Matheus Stumpf (Astra), a 26 voltas

Corrida 01
1) Daniel Serra (Honda Civic), 28 voltas em 29:55.959
2) Allam Khodair (Honda Civic), a 0s002
3) Thiago Marques (Chevrolet Astra), a 0.562
4) William Freire (Corolla), a 1.107
5) Fabio Carbone (Honda Civic), a 1.713
6) Thiago Camilo Competition Team (Chevrolet Astra), a 3.080
7) Fabio Fogaça (Ford Focus), a 3.740
8) Claudio Ricci (Ford Focus), a 4.195
9) Alceu Feldmann (Honda Civic), a 4.828
10) Denis Navarro (Corolla), a 5.160
11) Raphael Abbate (Corolla), a 20.057
12) Aluizio Coelho (Chevrolet Astra), a 31.386
13) Carlos Eduardo Padovan (Honda Civic), a 1 voltas
14) Wilson Pinheiro (Honda Civic), a 9 voltas
15) Átila Abreu (Chevrolet Astra), a 10 voltas
16) Rodrigo Miguel (Corolla), a 12 voltas
17) Gustavo Martins (Ford Focus), a 12 voltas
18) Galid Osman Competition Team (Chevrolet Astra), a 18 voltas
19) Valdeno Brito (Chevrolet Astra), a 20 voltas
20) Felipe Maluhy (Ford Focus), a 23 voltas

Fotos: Vanderley Soares/Divulgação.