Quarta etapa do Brasileiro de Marcas tem domínio Honda e Ford

21 de agosto de 2011

Foi um domingo de ineditismo na quarta etapa do Brasileiro de Marcas, disputada no Autódromo Internacional Velopark, no Rio Grande do Sul. O dia começou com Daniel Serra superando Allam Khodair na linha de chegada por apenas 0s002 para formar a primeira dobradinha do Honda Civic na categoria, com Thiago Marques (Chevrolet Astra) em terceiro. Na Prova 2, no circuito de 2.278 metros, foi a vez do gaúcho Cláudio Ricci colocar o Ford Focus no alto do pódio, com Fábio Fogaça também representando a marca em segundo. No terceiro posto, ficou Daniel Serra, o novo líder da temporada (109 pontos).

Após ter marcado a pole position no Velopark, a primeira da Honda, Daniel Serra (Serra Motorsport) conquistou a vitória no último momento, depois de perder a ponta para Khodair (Auto Racing) na largada. “Eu tinha de achar a hora certa, mas não poderia ser antes da última volta porque ficaria em posição ruim no final da reta e não adiantaria. Mas, na última volta, eu mandei um ‘arrisca-tudo’ e deu certo. Fiquei feliz com a vitória e também por ter saído daqui do Velopark de novo na liderança”, disse o filho de Chico Serra, o chefe da equipe.

Cláudio Ricci (Amir Nasr Racing) chegou em oitavo com o Ford Focus na Corrida 1 e teve o privilégio de ser o pole na pova da tarde por conta do sistema de grid invertido entre os oito primeiros. Mesmo assim, mostrou competência para superar Fogaça e vencer em casa. “Foi muito legal, porque treinei pouco, não conheço o carro e conseguimos sempre evoluir. Venho namorando a categoria desde a abertura (Tarumã). Estou muito contente de estar aqui e fechei o fim de semana com chave de ouro”, garantiu Ricci.

Allam Khodair e Fábio Fogaça também ficaram contentes com o que encontraram no Velopark. O primeiro porque fez sua estreia no Brasileiro de Marcas, e o segundo por ser um piloto jovem que vinha enfrentando dificuldades para terminar as corridas. “O começo do ano foi muito difícil, porque dava problema na primeira e não conseguia largar na outra prova. Foi muito difícil vir correr aqui. Se não tivesse um bom resultado acho que iria para a casa buscar parceiros para o ano que vem. Foi também o reconhecimento do meu trabalho e da equipe nessa categoria”, disse Fogaça, filho de Djalma Fogaça, outro nome forte do automobilismo.

Para Thiago Marques, o dono do Astra 51 do grid da Copa Petrobras de Marcas, a felicidade seria maior caso tivesse vencido, porque tinha um carro bem rápido. Porém, o terceiro e o quinto lugar deram 28 pontos ao piloto na etapa gaúcha. “Foi nosso melhor final de semana, por conta dos bons resultados. Pensando no título, tiramos uma boa vantagem do primeiro e segundo colocados, porque acho que o desempenho do Honda Civic será ainda melhor daqui para frente. Isso me preocupa”, explicou Marques, o terceiro colocado na classificação (102 pontos).

O paraibano Valdeno Brito (Mico’s Racing), vencedor de quatro provas na Copa Petrobras de Marcas e dono de três poles, chegou ao Velopark na liderança isolada da classificação e com 50 kg de lastro de sucesso pesando no seu Chevrolet Astra 77. Ele sabia que seria difícil manter a posição. E, depois do abandono na Corrida 1 e o décimo lugar na Prova 2, caiu para segundo na tabela (106 pontos), apenas três atrás do líder Daniel Serra.

A próxima etapa da Copa Petrobras de Marcas será no dia 25 de setembro no Autódromo Internacional Nelson Piquet, em Brasília (DF).

Resultado da Corrida 1 — 4ª etapa – Velopark/RS
1) Daniel Serra, Serra Motorsport (Honda Civic) – 28 voltas, em 29min55s959
2) Allam Khodair, Auto Racing (Honda Civic) – a 0s002
3) Thiago Marques, AMG Motorsport (Chevrolet Astra) – a 0s562
4) William Freire, Bassani Marcas (Corolla) – a 1s107
5) Fabio Carbone, FullTime Sports (Honda Civic) – a 1s713
6) Thiago Camilo, Carlos Alves Competition Team (Chevrolet Astra) – a 3s080
7) Fabio Fogaça, Officer ProGP (Ford Focus) – a 3s740
8) Claudio Ricci, Amir Nasr (Ford Focus) – a 4s195
9) Alceu Feldmann, FullTime Sports (Honda Civic) – a 4s828
10) Denis Navarro, Bassani Racing (Corolla) – a 5s160
11) Raphael Abbate, Bassani Marcas (Corolla) – a 20s057
12) Aluizio Coelho, Mico’s Racing (Chevrolet Astra) – a 31s386
13) Carlos Eduardo Padovan, Serra Motorsport (Honda Civic) – a 1 volta
Não completou 75% (= 21 voltas)
14) Wilson Pinheiro, Auto Racing (Honda Civic) – a 9 voltas
15) Átila Abreu, AMG Motorsport (Chevrolet Astra) – a 10 voltas
16) Rodrigo Miguel, Bassani Racing (Corolla) – a 12 voltas
17) Gustavo Martins, Amir Nasr (Ford Focus) – a 15 voltas
18) Galid Osman, Carlos Alves Competition Team (Chevrolet Astra) – a 18 voltas
19) Valdeno Brito, Mico’s Racing (Chevrolet Astra) – a 20 voltas
20) Felipe Maluhy, Officer ProGP (Ford Focus) – a 23 voltas
Melhor volta: Daniel Serra (Honda Civic), com 59s862

Resultado da Corrida 2 — 4ª etapa – Velopark/RS
1) Claudio Ricci, Amir Nasr (Ford Focus) – 28 voltas, em 30min26s703
2) Fabio Fogaça, Officer ProGP (Ford Focus) – a 1s013
3) Daniel Serra, Serra Motorsport (Honda Civic) – a 1s436
4) Allam Khodair, Auto Racing (Honda Civic) – a 2s891
5) Thiago Marques, AMG Motorsport (Chevrolet Astra) – a 4s244
6) Alceu Feldmann, FullTime Sports (Honda Civic) – a 6s530
7) Átila Abreu, AMG Motorsport (Chevrolet Astra) – a 10s925
8) Thiago Camilo, Carlos Alves Competition Team (Chevrolet Astra) – a 11s487
9) Felipe Maluhy, Officer ProGP (Ford Focus) – a 11s753
10) Valdeno Brito, Mico’s Racing (Chevrolet Astra) – a 12s140
11) Gustavo Martins, Amir Nasr (Ford Focus) – a 21s037
12) William Freire, Bassani Marcas (Corolla) – a 21s198
13) Fabio Carbone, FullTime Sports (Honda Civic) – a 35s094
14) Pierre Ventura, Mico’s Racing (Chevrolet Astra) – a 50s313
15) Rodrigo Miguel, Bassani Racing (Corolla) – a 50s465
16) Raphael Abbate, Bassani Marcas (Corolla) – a a 7 voltas
Não completou 75% (= 21 voltas)
17) Galid Osman, Carlos Alves Competition Team (Chevrolet Astra) – a 19 voltas
18) Carlos Eduardo Padovan, Serra Motorsport (Honda Civic) – a 12 voltas
19) Denis Navarro, Bassani Racing (Corolla) – a 5 voltas
20) Matheus Stumpf, Auto Racing (Honda Civic) – a 2 voltas
Melhor volta: Daniel Serra (Honda Civic), com 1min00s204

CLASSIFICAÇÃO DA COPA PETROBRAS DE MARCAS

MARCAS
1) Chevrolet – 301 pontos
2) Honda – 259
3) Ford – 137 pontos

PILOTOS – os 10 primeiros, após 4 etapas
1) Daniel Serra – 109 pontos
2) Valdeno Brito – 106
3) Thiago Marques – 102
4) Thiago Camilo – 101
5) Alceu Feldmann – 77
6) Fabio Carbone – 67
7) Galid Osman – 51
8) Juliano Moro – 50
9) Átila Abreu – 47
10) Rodrigo Miguel – 45 pontos