Geraldo Piquet vence pela segunda vez em Buenos Aires

5 de setembro de 2011

A Fórmula Truck entregou neste domingo o troféu do Campeonato Sul-Americano para Felipe Giaffone. Porém quem se consagrou em terras Argentinas foi o piloto da ABF Mercedes Benz, Geraldo Piquet, que subiu no lugar mais alto do pódio pela segunda vez no autódromo Oscar y Juan Galvez.

O brasiliense largou na 4ª posição, passando a liderar a corrida logo na primeira volta depois de um acidente envolvendo Valmir Benavides, Giaffone e Paulo Salustiano. Piquet manteve o ritmo acelerado com seu caminhão 12 litros até o final da prova, deixando de liderar a prova apenas por alguns segundos. A vitória em Buenos Aires levou o piloto do caminhão de número 3 para o pódio por duas vezes neste domingo, a segunda pelo 3º lugar conquistado no Campeonato Sul-Americano.

Geraldo Piquet

“Se eu pudesse trocar a vitória daqui por uma no Campeonato brasileiro eu trocaria, mas é muito bom vencer em Buenos Aires, ‘me encanta correr aquí’ em três corridas aqui um 3º lugar (2009) e dua vitórias (2010 e 2011) eu realmente não posso reclamar, meu histórico aqui é muito bom. Nessa corrida tive uma largada muito boa, eu vi que tinha acontecido alguma coisa mas percebi um espaço e aproveitei. Depois o Adalberto Jardim se aproximou, mas eu sabia que tinha a bandeira programada e então não me preocupei tanto. Na relargada, eu acabei me confundido no calor da corrida, o Jardim me passou, e Graças a Deus eu consegui recuperar a posição. Agora vamos torcer e aguardar as próximas três etapas que valem pelo Brasileiro e torcer”.

Welington Cirino não teve um bom fim de semana por problemas em seu caminhão. Um peça do trambulador quebrada tirou o piloto do caminhão de número 6 da prova.
Cirino teve um problema antes da largada, tendo que ir para o box, onde lá quebrou a peça irreparável no momento e o fazendo abandonar a corrida.

O chefe de equipe Franz Schimidt comentou o sucesso da equipe na capital Argentina. “O carro vem evoluindo durante o ano, e nesse fim de semana fizemos uma série de testes, alguns com resultados positivos, outros não. Mas o nosso caminhão é sempre muito bom na corrida, e nós estavamos preparados para isso, o que a gente vem tentando é melhorar nossa classificação. O Cirino quebrou uma das peças mais importantes do caminhão, da trambulação, ou seja, não tinhamos como trocar na hora e ele abandonou a corrida”.

A equipe ABF Mercedes-Benz segue para Guaporé, próxima etapa da categoria líder do Campeonato Brasileiro com Piquet na ponta e Cirino na 3ª posição.

Final da etapa de Buenos Aires:

1º) 3 – Geraldo Piquet (M, DF), 22 voltas em 50:39.639
2º) 23 – Adalberto Jardim (W , SP), a 0.631
3º) 70 – Danilo Dirani (F , SP), a 5.150
4º) 77 – André Marques (V , SP), a 11.731
5º) 9 – Renato Martins (W , SP), a 13.822
6º) 12 – Zé Maria Reis (S , GO), a 14.789
7º) 50 – Fred Marinelli (I , PR), a 20.498
8º) 32 – Luiz Pucci (V , RA), a 21.114
9º) 1 – Roberval Andrade (S , SP), a 21.820
10º) 4 – Felipe Giaffone (W , SP), a 1 volta
11º) 88 – Beto Monteiro (I , PE), a 4 voltas
12º) 7 – Debora Rodrigues (W , SP), a 4 voltas
13º) 99 – Luiz Lopes (S , SP), a 5 voltas
14º) 2 – Valmir Benavides (W , SP), a 6 voltas
15º) 11 – Diumar Bueno (V , PR), a 8 voltas
16º) 71 – Cristina Rosito (F , RS), a 8 voltas
17º) 100 – Vignaldo Fizio (M , SP), a 12 voltas
18º) 73 – Leandro Totti (M , PR), a 14 voltas
19º) 55 – Paulo Salustiano (I , SP), a 16 voltas
20º) 83 – Regis Boessio (M , SP), a 17 voltas
21º) 45 – Leandro Reis (S , GO), a 18 voltas

Classificação Final do Sul-Americano:

1) Felipe Giaffone (Volkswagen), 66 pontos
2) Danilo Dirani (Ford), 55 pontos
3) Geraldo Piquet (Mercedes-Benz), 42 pontos
4) Valmir Benavides (Volkswagen), 37 pontos
5) Roberval Andrade (Scania), 33 pontos
6) Adalberto Jardim (Volkswagen), 32 pontos
7) Renato Martins (Volkswagen), 31 pontos
8) Beto Monteiro (Iveco), 28 pontos
9) André Marques (Volvo), 26 pontos
10) Wellington Cirino (Mercedes-Benz), 24 pontos

Fotos: Orlei Silva/ Divulgação