Tony Kanaan tem domingo surpreendente

5 de setembro de 2011

O domingo (4) de Tony Kanaan parecia ser facilmente previsto após um forte acidente durante o warmp-up para a etapa de Baltimore da Fórmula Indy, 14a da temporada. O carro do brasileiro perdeu totalmente o freio e decolou em cima do compatriota Helio Castroneves. Felizmente, ambos nada sofreram, mas o carro do baiano ficou destruído. Veja o video no link: http://www.youtube.com/watch?v=5hNZmxHcCq0&feature=player_embedded

A KV Racing Technoly – Lotus iniciou uma batalha contra o tempo para preparar o carro reserva para o brasileiro participar da prova. E, ficando pronto, o carro iria no escuro, sem fazer um treino sequer antes da bandeira verde ser agitada. Por isso, era fácil fazer uma previsão.

No entanto, Kanaan, campeão da categoria de 2004, contrariou tudo, largou em 27o por causa da troca de chassi, veio crescendo na prova, e arriscou tudo em uma estratégia diferente, com uma parada a menos. Ainda teve muita garra para segurar Dario Franchitti e concluir a prova no pódio, na terceira colocação.

“Não tenho palavras pra descrever o dia de hoje. Meu carro ficou destruído depois da batida por causa de uma falha mecânica no warm-up pela manhã, então meus mecânicos tiveram que trabalhar duro pra montar o carro reserva. Na verdade, todos integrantes da equipe trabalharam muito para que meu carro ficasse pronto a tempo para a corrida. Tive que largar em 27º por causa da troca do carro e terminei em terceiro. Foi uma corrida dura, mas a estratégia foi excelente e pude aproveitar as oportunidades causadas pelas batidas dos outros pilotos. E ainda, para coroar o dia, retomamos a quinta posição no campeonato. Foi um dia excelente”

Confira o final do GP de Baltimore:

1º. Will Power (AUS/Penske), 75 voltas
2º. Oriol Servià (ESP/Newman-Haas), a 10s2096
3º. Tony Kanaan (BRA/KV), a 10s8557
4º. Dario Franchitti (ESC/Ganassi), a 11s0831
5º. Scott Dixon (NZL/Ganassi), a 11s5032
6º. Alex Tagliani (CAN/Sam Schmidt), a 17s7124
7º. Danica Patrick (EUA/Andretti Autosport), a 18s5661
8º. Ryan Hunter-Reay (EUA/Andretti-Autosport), a 18s9269
9º. Vitor Meira (BRA/Foyt), a 22s3096
10º. Graham Rahal (EUA/Ganassi), a 22s6977
11º. Martin Plowman (ING/Sam Schmidt), a 23s7405
12º. Simona de Silvestro (SUI/HVM), a 24s7568
13º. Sebastian Saavedra (COL/Conquest), a 29s6042
14º. Ryan Briscoe (AUS/Penske), a 30s9855
15º. Ernesto Viso (VEN/KV), a 50s6756
16º. Bia Figueiredo (BRA/Dreyer & Reinbold), a 1min00s5667
17º. Hélio Castroneves (BRA/Penske), a 1 volta
18º. Takuma Sato (JAP/KV), a 2 voltas
19º. JR Hildebrand (EUA/Panther), a 2 voltas
20º. Ed Carpenter (EUA/Sarah Fisher), a 2 voltas
21º. Charlie Kimball (EUA/Ganassi), a 2 voltas
22º. Tomas Scheckter (AFS/Dreyer & Reinbold), a 4 voltas
23º. Mike Conway (ING/Andretti Autosport), a 11 voltas
24º. James Hinchcliffe (CAN/Newman-Haas), abandonou
25º. Marco Andretti (EUA/Andretti Autosport), abandonou
26º. Giorgio Pantano (ITA/Dreyer & Reinbold), abandonou
27º. James Jakes (ING/Dale Coyne), abandonou
28º. Sébastien Bourdais (FRA/Dale Coyne), abandonou

Foto: Chris Jones/Indycar – Divulgação.