Feldmann encara etapa decisiva do Brasileiro Marcas

21 de setembro de 2011

A temporada de estreia da Copa Petrobras de Marcas (Campeonato Brasileiro de Marcas) entra na fase decisiva neste fim de semana, no Autódromo Internacional Nelson Piquet, em Brasília. Após as etapas de Tarumã (RS), São Paulo, Rio de Janeiro e Velopark (RS), a categoria inicia a segunda metade da temporada com uma disputa equilibrada pelo título. A tabela tem na liderança o paulista Daniel Serra, que corre com o modelo Honda Civic.

Alceu Feldmann, piloto da equipe oficial da montadora japonesa, é o quinto na classificação e chega à capital federal embalado por uma grande conquista. No último final de semana, em Santa Cruz do Sul (RS), o catarinense radicado em Curitiba venceu na abertura da Super Final da Stock Car de forma surpreendente. Com uma estratégia ousada, Feldmann liderou a segunda metade da prova para alcançar sua primeira vitória na principal categoria do automobilismo brasileiro.

Agora, ele deixa de lado o carro de tração traseira para voltar a pilotar um modelo que é sua especialidade. “Comecei em pistas de terra com carros de tração dianteira. É com ele que me sinto mais confortável, apesar de estar na Stock Car há mais de dez anos. Aqui no Brasileiro de Marcas me sinto em casa”, brinca. Com este tipo de carro, Alceu conquistou inúmeros títulos regionais, tanto em pistas de terra quanto de asfalto.

Em campeonatos brasileiros, Feldmann foi vice-campeão da GT3 em 2007 e agora está na disputa pelo título do Brasileiro de Marcas. “Entramos agora num momento decisivo. Preciso vencer corridas em Brasília, Rio de Janeiro ou em Londrina para chegar na etapa final, em Curitiba, com boas chances”, ressalta Alceu, lembrando que na última rodada dupla do ano os pontos dobrados.

Essas pistas trazem boas lembranças para o piloto do carro 10. Nelas, já conquistou vários pódios, tanto na Stock Car quanto no Trofeo Linea no ano passado. “Esse é o momento ideal para diminuir a diferença de pontos em relação aos líderes. Estou com pouco lastro (10 quilos) e o anel externo de Brasília deve ser bom para os modelos da Honda. Apesar de saber que o favorito é o Serrinha, vou tentar somar pontos nas duas provas para me manter vivo nesta briga”, diz.

A grande preocupação de pilotos e chefes de equipe neste fim de semana é com o desgaste de pneus no asfalto abrasivo do circuito de Brasília. “Isso será agravado pelo forte calor da região. A estratégia será fundamental nessa etapa. Quem conseguir chegar mais rápido ao acerto ideal e andar pouco vai se dar bem”, adianta Feldmann.

A programação prevê dois treinos livres e o classificatório no sábado. No domingo, a primeira corrida acontece às 10h15 e a segunda começa às 14h20, com transmissão ao vivo pela Rede TV!.

Fotos: Duda Bairros/Divulgação.