Luciano Burti tenta se aproximar dos líderes na disputa pelo título da Stock Car

2 de outubro de 2011

A disputa pelo título da Stock Car teve mais um capítulo, sem dúvida o mais belo deles, neste domingo (2) em Londrina (PR). Cacá Bueno assumiu a liderança do campeonato ao vencer a corrida, superando o segundo colocado, Ricardo Maurício, por apenas 0s216. Matematicamente, a briga ainda está aberta para os dez participantes da Super Final. Mas quem não chegou ao pódio sabe que precisa de força total nas duas corridas que encerram a temporada 2011.

É o caso de Luciano Burti, que largou em 13º e chegou em sétimo lugar em Londrina. “Conquistamos pontos que são sempre muito bem-vindos, mas não estamos com o mesmo desempenho de quem está na frente na disputa pelo título, então precisamos nos mexer para as duas últimas corridas”, afirma o piloto da Itaipava Racing Team. “Hoje foi difícil porque geralmente meu carro é bom de corrida e desta vez ficou muito desequilibrado e sem aderência depois do pit stop”.

“Dá para dizer que foi a corrida mais difícil do ano, estava complicado manter o carro na pista sem cometer erros e principalmente segurar o Daniel Serra”, fala Luciano Burti, que na parte final da corrida precisou controlar os ataques do adversário, também participante da Super Final. “Eu tentei me defender ao máximo de forma limpa e ele também foi muito limpo, no sentido de não forçar nada que pudesse provocar um acidente mesmo estando mais rápido”, destaca Luciano Burti.

“Agora precisamos evoluir para fazer frente aos outros pilotos que estão na disputa pelo título. Já tivemos um momento em que estávamos muito competitivos no campeonato, então sabemos que temos potencial para chega lá”, conclui Luciano Burti. A próxima etapa da temporada será disputada no dia 16 de outubro em Brasilía (DF). David Muffato, que ficou fora da Super Final, também marcou pontos depois de uma corrida no sacrifício em Londrina.

Depois de largar em 18º, ele enfrentou problemas com a direção hidráulica e perdia muito de reta, mas ainda terminou em 11º. “Foram pontos importantes e um resultado muito bom diante das dificuldades que tivemos. Ainda na terceira volta a direção hidráulica começou a falhar, fiz quase a corrida inteira com apenas 50% da direção, às vezes 20%. Ficava praticamente impossível guiar o carro, mas consegui me segurar e levar até o final”.

“Outro ponto muito complicado é que na confusão da largada deve ter quebrado alguma coisa na tomada de ar e o carro perdia um monte de reta”, conta David Muffato, campeão da Stock Car em 2003. E diante de tudo isso ele ainda levou um baita susto durante a prova, quando Átila Abreu foi tocado e voltou à pista exatamente na frente dele. “Não sei exatamente o que aconteceu, mas está errado. O piloto não pode voltar daquela forma para a pista”.

“Se você já bateu, já está na grama, não adianta vir com tudo para a pista. Se o carro está sem controle, que o piloto tire o pé e aperte o freio. Infelizmente o Átila cometeu um erro que acabou me prejudicando hoje. Perdi três posições para evitar bater na porta dele”, lamentou David Muffato. Com o resultado dele e o sétimo lugar de Luciano Burti, a Itaipava Racing Team subiu para a quarta posição no campeonato de equipes da Stock Car.

Foto: Fábio Oliveira/Divulgação.