Stênio vence e Plutarco assume liderança na Sipirit 1.8

21 de novembro de 2011

Stênio Pimentel trocou os carros da CTM pelos Spirit 1.8 e após a segunda etapa do Campeonato Cearense da categoria, já se encostou à briga pelo título da competição.

Campeão da Fórmula V1. 8 em 2010, Stênio não teve dificuldade de se adaptar ao Spirit, já que ele manteve o mesmo chassi dos Fórmula e, na pista do autódromo do Eusébio, nesse domingo (20), imprimiu forte ritmo de corrida e conquistou a vitória nas duas baterias do dia.

Na primeira bateria Stênio assumiu a ponta após disputar com Silvio Camelo, que largou na pole, e Hybernon Cysne (CTM). Este último colocou a roda na terra após retardar a freada e forçar a passagem na primeira curva após a largada, acabou rodando e prejudicou Silvio Camelo, que foi surpreendido por Stênio.

Nesta etapa um toque entre Silvio e Minho Pimentel provocou o lance mais polêmico do dia. Os dois trocaram acusações ao final da corrida culpando um ao outro pelo incidente. Minho levou a pior e foi desclassificado.

Na segunda bateria Stênio confirmou o bom acerto do carro e conduziu, sem ser incomodado, o carro de número um para a vitória, conquistando assim a etapa. “Foi uma corrida maravilhosa. Ontem (sábado) tive problema na classificação, o cabo do acelerador ficou deslizando, mas hoje (domingo) deu tudo certo. Quero agradecer à equipe pelo carro que me deu. Agora entramos na disputa do título”, disse Stênio.

Mas quem saiu do autódromo Virgílio Távora (local das disputas), na cidade do Eusébio, foi o piloto Plutarco Lima. Com 42 pontos somados nas duas etapas, ele assumiu a liderança da competição.

Ao final das duas baterias, os pilotos da Spirit 1.8 se confraternizaram no HC do Boteco Praia, patrocinador oficial da categoria, que recebeu convidados, pilotos das demais categorias e a Imprensa cearense.

Com o resultado o campeonato ficou com a seguinte classificação:
1º Plutarco Lima (Boteco Praia/Cor de Jambo/Playback) – 42 Pontos
2º Alexandre Roncy (Royal Construções/Osho) – 40 Pontos
3º Stênio Pimentel (Boteco Praia/Playback) – 39 Pontos
4º Minho Pimentel (Boteco Praia/Playback – 39 Pontos
5º Silvio Camelo (Newtrack)  – 13 Pontos.

Fotos: Robério Lessa.