Williams chega à Malásia cheia de expectativas

20 de março de 2012

O desempenho foi surpreendente. Pastor Maldonado terminou a classificação entre os 10 e pressionou Fernando Alonso da Ferrari na briga pela quinta posição, mas no fim, a Williams saiu da Austrália sem um ponto sequer. Mark Gilliam, engenheiro-chefe da equipe espera repetir a performance da etapa de abertura conquistando pontos.

“A equipe está animada após o bom resultado no treino de classificação e na corrida em Melbourne. Agora a meta transformar esse desempenho em pontos na Malásia. A pista de Sepang é um circuito de média velocidade e que desgasta muito os pneus dianteiros. A Pirelli disponibilizou pneus duros e médios para a corrida. Apesar da alta temperatura, da alta umidade e da possibilidade chuva, não acredito que haja entrada do safety car. O pacote aerodinâmico deve ser o mesmo usado na Austrália, com ajustes na abertura de arrefecimento por conta da temperatura ambiente”, explica Gillian.

Após uma boa estreia no Mundial, Pastor Maldonado espera repetir o desempenho da etapa da Austrália. “A próxima corrida na Malásia será um grande desafio para todas equipes, por conta do clima quente e úmido de lá. A equipe está confiante, pois nosso carro parece competitivo. Por isso vamos fazer de tudo para estar entre os 10 novamente.  Confio na equipe e em todo trabalho realizado durante a pré-temporada de inverno. Quero repetir o bom desempenho da Austrália na Malásia”, afirma Maldonado.

Bruno Senna espera melhorar o desempenho da prova de abertura e demonstra preocupação com o calor da Malásia. “É uma pista muito difícil e que exige muito fisicamente por conta do calor que é um grande problema na Malásia. É importante a fase de aclimatação antes do fim de semana e trabalhar bem no ajuste do carro para essas condições. Vamos tentar por em prática o que aprendemos na Austrália. Já estive em Sepang e conheço bem a pista e estou ansioso para o fim de semana de corrida,” diz o brasileiro.

Tags: