Jacques Villeneuve critica pilotos da Fórmula Um

7 de junho de 2012

O campeão mundial de 1997, Jacques Villeneuve fez duras críticas aos pilotos da atual geração da F-1.  Em entrevista à publicação inglesa “The Guardian”, nesta quinta-feira Jacques disse que os pilotos da atual geração ignoram os limites do automobilismo e não tem respeito entre si.

“Quando a F1 era perigosa, há 20 ou 30 anos, o risco de morte era muito grande, então os pilotos não tentavam se prejudicar; havia este respeito extra. Isto era senso comum e havia uma série de corredores que trabalhava duro para começar a competir. Parece haver pouco bom senso (atualmente) nas pistas”, comentou Villeneuve.

“Eles (do passado) não começavam a correr aos 12 anos, (com) a carreira seguramente financiada, eles tinham de suar por isso, não eram basicamente filhinhos de papai, como você tem hoje. Os pilotos estão na F1, mas ainda são crianças, são como bebês e continuam assim”, acrescentou.

Para Villeneuve, como o último episódio com vítimas fatais na pista se deu há 18 anos – a morte de Ayrton Senna em Imola –, os pilotos se esqueceram dos riscos da F-1.

“Um dia, isso (uma morte) vai acontecer e haverá um monte de novas regras e exageros. Todo mundo está dormindo em relação ao fato de que a F-1 é perigosa. Eles acham que tudo é um videogame e não é. É muito perigoso e difícil”, afirmou o canadense.

Texto – Felipe Pires/F1 Mania.Net

Tags: