Spyder Race tem etapa em Jacarepaguá

18 de julho de 2012

A etapa carioca do Campeonato Brasileiro de Spyder Race, que acontece neste domingo (22),  marca dois fatos históricos para o único certame de protótipos do Brasil: será a última vez que o Autódromo de Jacarepaguá sedia uma prova da categoria, e justamente nessa prova a categoria baterá seu recorde de grid – serão 21 protótipos alinhados.

Devido à construção de dependências para as Olimpíadas de 2016 no Rio de Janeiro, o Autódromo de Jacarepaguá será demolido, excluindo do automobilismo brasileiro um ícone onde foram realizadas importantes e histórias provas.

“Automobilismo também é esporte, e por isso sou a favor que não acabem com Jacarepaguá antes do prometido Autódromo de Deodoro ficar pronto”, comentou Peter Januário, promotor do Campeonato Brasileiro de Spyder Race. “Em todos os anos que estivemos no Rio de Janeiro, tanto a FAERJ através do seu presidente Djalma Neves e a CBA sob o comando do Sr. Cleyton Pinteiro trabalharam em prol do automobilismo e da manutenção de Jacarepaguá. Espero que ainda haja algo que possa ser feito para que não acabem com o autódromo, senão será um momento muito triste”, finalizou o promotor.

Três cariocas alinharam para a prova e receberão o caminho de sua torcida: Valter Pinheiro (Guerra Motorsport), campeão da Spyder Race Light em 2011 e que terá como companheiro de equipe seu conterrâneo Alexandre Camara, além de Ulisses Silva que dividirá o protótipo n° 99 com o paranaense Cesar Bonilha – ambos pilotos da Copa Fiat.

Além dos cariocas, dois paulistas serão novidade no grid: Leandro Bueno (RSports) fará sua estreia no campeonato nacional, mas já tem experiência com o protótipo onde foi vice-campeão paulista em 2009. Quem está de volta é o campeão de 2011 na categoria Spyder Race: Fabio Perez (SP Mec).

Texto: Vitor Garcia

Foto: Divulgação.