Raikkonen vence primeira corrida do ano

17 de março de 2013

Kimi Raikkonen 2013 001Por Robério Lessa – A primeira vitória do ano na Fórmula Um ficou com o piloto Kimi Raikkonen, que conquistou sua vigésima vitória na categoria.

Em segundo ficou Fernando Alonso, que ficou a 12 segundos atrás de Kimi. Sebastian Vettel foi o terceiro e Felipe Massa, o quarto.

O finlandês da Lotus fez apenas duas paradas nos boxes, enquanto a maioria dos pilotos parou três vezes para troca de pneus. Além da vitória, Kimi marcou a melhor volta da corrida com o tempo de 1.29s,279.

Kimi Raikkonen 2013 008“Estou feliz para a equipe e para mim também. Nós tivemos um carro rápido todo o fim e não houve problemas com ele também, então nós poderíamos apenas se concentrar em tentar coisas diferentes e obter a configuração como queríamos. Eu tinha uma boa sensação de que estaríamos bem com os pneus após a prática ea equipe tem a estratégia perfeita. Fiz alguns lugares no início e depois teve uma boa batalha com Lewis Hamilton, mas depois que foi muito simples, provavelmente uma das minhas mais fáceis vitórias. Você não pode começar a temporada muito melhor do que vencer a primeira corrida e, claro, esperamos poder estar lutando na frente do Campeonato, mas há um longo caminho a percorrer ainda e precisamos continuar pressionando duro o tempo todo”, disse o piloto.

A Corrida:

Felipe Massa 2013 (2)Na largada Felipe Massa pulou de quarto para segundo e Alonso de sétimo para terceiro, enquanto Sebastian Vettel seguiu na liderança. Mark Webber caiu da segunda para a sétima posição.

Os dois pilotos da Ferrari protagonizaram a primeira grande briga da corrida quando Alonso atacou forte para tomar a posição de Massa, que não cedeu a pressão do seu companheiro de equipe.

Com os carros próximos, as primeiras voltas no GP da Austrália foram muito disputadas, apesar de Vettel ter se distanciado um pouco dos demais, mas a alternância de posições empolgou.

O australiano Mark Webber decepcionou a torcida local e acabou caindo de segundo para sétimo, assistindo a Hamilton e Kimi Raikkonen brigarem pela quinta colocação.

Jenson Button in actionNa quinta volta, Button foi o primeiro piloto a parar para troca de pneus. A troca prematura confirmou a falta de acerto dos carros da McLaren para a prova inaugural, já que Sérgio Perez, companheiro de Jenson Button, largara na décima quinta posição.

Após a parada da McLaren vários pilotos trocaram os pneus supermacios pelos médios e foi nesse momento da corrida que Felipe Massa provou o doce sabor da liderança quando Vettel parou para sua troca.

Na segunda troca a Ferrari errou ao deixar o brasileiro por mais tempo na pista, o que lhe custou a perda do segundo lugar para Fernando Alonso, e do terceiro lugar para Adrian Sutil naquele momento da prova.

“Meu problema maior foi na segunda parada. Vinha em um bom ritmo e o Alonso acabou parando antes. Erramos naquele momento e ficamos atrás de outros carros. Mas, olhando o ano de 2012 foi um começo positivo, sobretudo nesta pista onde nunca acertei. Foi um bom começo de temporada”, afirmou o brasileiro.

Kimi Raikkonen 2013 005Enquanto 14 pilotos pararam para a terceira troca Kimi permaneceu na pista e pôde voltar a liderança do Grande Prêmio. O desempenho do finlandês mostrava a qualidade do carro da Lotus, que desde 2012 é o que mais economiza pneus, a ponto dele marcar a melhor marca da corrida faltando duas voltas para a bandeirada final.

A Red Bull sai da Austrália com a certeza de que não terá uma temporada fácil e que, para conquistar mais um título de construtores, terá de trabalhar forte, já que seus carros foram superados na corrida. “Hoje tivemos dificuldades de gerenciar o desgaste dos pneus. A Lotus mostrou que é uma séria concorrente ao título, pois tem um carro competitivo e dócil com os pneus”, disse Sebastian Vettel.Vettel 2013003

Uma outra boa briga na pista australiana foi entre Fernando Alonso e Lewis Hamilton. Os dois reeditaram velhas batalhas, mas desta vez quem levou a melhor foi o espanhol terminando a prova em segundo, enquanto o britânico ficou com a quinta colocação.

A segunda etapa da Fórmula Um acontece no próximo domingo (24), com a realização do Grande Prêmio da Malásia, em Kuala Lumpur.

Confira a classificação final do GP da Austrália:

1. Raikkonen Lotus-Renault 1h30:03.225
2. Alonso Ferrari a 12.451
3. Vettel Red Bull-Renault a 22.346
4. Massa Ferrari a 33.577
5. Hamilton Mercedes a 45.561
6. Webber Red Bull-Renault a 46.800
7. Sutil Force India-Mercedes a 1:05.068
8. Di Resta Force India-Mercedes a 1:08.449
9. Button McLaren-Mercedes a 1:21.630
10. Grosjean Lotus-Renault a 1:22.759
11. Perez McLaren-Mercedes a 1:23.367
12. Vergne Toro Rosso-Ferrari a 1:23.857
13. Gutierrez Sauber-Ferrari a 1 Volta
14. Bottas Williams-Renault a 1 Volta
15. Bianchi Marussia-Cosworth a 1 Volta
16. Pic Caterham-Renault a 2 Voltas
17. Chilton Marussia-Cosworth a 2 Voltas
18. van der Garde Caterham-Renault a 2 Voltas

Não completaram a prova:
Daniel Ricciardo  – Toro Rosso-Ferrari
Nico Rosberg – Mercedes
Pastor Maldonado  – Williams-Renault
Nico Hulkenberg Sauber-Ferrari

Confira a classificação do Campeonato:
Mundial de Pilotos
1. Raikkonen 25 Pontos
2. Alonso 18 Pontos
3. Vettel 15 Pontos
4. Massa 12 Pontos
5. Hamilton 10 Pontos
6. Webber 8 Pontos
7. Sutil 6 Pontos
8. Di Resta 4 Pontos
9. Button 2 Pontos
10. Grosjean 1  Ponto

Mundial de Construtores:
1. Ferrari 30 Pontos
2. Lotus-Renault 26 Pontos
3. Red Bull-Renault 23 Pontos
4. Mercedes 10 Pontos
5. Force India-Mercedes 10 Pontos
6. McLaren-Mercedes 2 Pontos

Fotos: Lotus GP/ Red Bul Racing/Scuderia Ferrari – Divulgação.

Tags: