Um sonho piauiense

16 de maio de 2013

Olá, amigos do Carros e Corridas.

Mensalmente escrevo para o site Nobres do Grid, que abriu espaço para divulgar as informações do automobilismo nordestino. Hoje eu reproduzo aqui no Carros e Corridas a coluna deste mês de maio, na qual falo sobre o sonho dos kartistas piauienses.

Confira a coluna:

Destaco hoje o trabalho hercúleo que está sendo feito no estado do Piauí.

Além de ter um dos, se não o mais, bonitos litorais do país, com uma riquíssima foz em delta, a cidade da Parnaíba vai receber, enfim, um kartódromo à altura da garra daqueles que fazem tornar uma realidade as competições de kart em um circuito montado nas ruas da Praia da Pedra do Sal.

A ideia começou a tomar corpo quando a Diretoria do Parnaíba Kart Clube empenhada em concretizar o sonho da construção do Kartódromo de Parnaíba buscou apoio do experiente Piloto Giussepe Vecci, que foi responsável pela construção do Kartódromo do Milho, na cidade de Patos (MG).

Hoje, a maior batalha é para levantar recursos e, a exemplo de outros projetos, a turma do Piauí espera apoio do Ministério dos Esportes, Prefeitura e Governo do Estado do Piauí.

Antes que pululem as críticas sobre o uso de dinheiro público para construção de um kartódromo, esvazio esse discurso apenas lembrando o quanto os clubes de futebol são beneficiados com criação de loterias para pagar dívidas tributárias para não falar no derrame de dinheiro usado na construção de estádios de futebol.

Recursos públicos devem ser aplicados em todos os esportes, sem exceção. O kart na Parnaíba gera empregos diretos e indiretos, atrai turistas e movimenta a economia local, portanto, justifica o investimento que deve ser reforçado pela iniciativa privada nas chamadas Parceria Público Privada, as PPP’s.

No início do ano, pilotos de todo o Nordeste se reuniram para a realização das Duas Horas de Kart do Piauí, o que atesta a vocação da cidade para receber provas regionais.

O engenheiro, arquiteto e piloto Alexandre Roncy, do Ceará, responsável pelo desenho da pista do Kartódromo Júlio Ventura, e pela última reforma na pista do Autódromo Virgílio Távora, ambos no Ceará, fez o primeiro desenho da pista piauiense. A ideia é reunir em um só local, estrutura para abrigar esportistas do kart, skate, automodelismo, aeromodelismo, ciclismo e bicicross, além de espaço para exposições, feiras, shows, e outros eventos com grande público.

Esse projeto ganhou apoio da população e de parlamentares do estado, que engrossam a relação de pessoas na busca dos recursos.

A ideia inicial do engenheiro Alexandre Romcy promete fazer de Parnaíba um palco para eventos nacionais.

Fica a torcida espera que a ideia possa sair do papel e o Piauí receber uma praça esportiva que passe longe de ser um elefante branco. Com tanta gente torcendo pelo êxito do projeto é salutar, neste momento, cercar-se de todo o cuidado para tornar a construção desse parque esportivo em um bom exemplo pra todo o país, e aí tem de começar desde a preparação do edital para a licitação da obra. O Piauí já nos dá um grande exemplo de determinação quando consegue realizar um campeonato regular e uma prova regional em circuito de rua. Espero que se torne exemplo na hora de construir a pista definitiva.

Até a próxima,

Robério Lessa