Domingo de muita velocidade em Cascavel

22 de setembro de 2013

IMG_4027O Autódromo Zilmar Beux, em Cascavel (PR), viveu um domingo (22) de muita velocidade, com Racing Day reunindo a 3ª etapa do Paranaense de Marcas, 6ª etapa do Campeonato Metropolitano de Curitiba de Marcas e Pilotos 2013, Spyder Race, Sprint Race, Speed Fusca e Marcas “N”. O evento teve organização do Automóvel Clube de Cascavel e supervisão da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA).

Marcas
Na largada da segunda prova das categorias Marcas “A”, “B” e Sênior, que aconteceu às 10h20, Luiz Pielak largou na pole position e perdeu a primeira posição na segunda volta, para Natan Sperafico, recuperando-se na sexta volta, seguindo na frente até a bandeirada final. Gustavo Magnabosco ganhou a segunda posição na sexta volta para não mais perdê-la. Andrei Carta largou na sexta posição, fez duas ultrapassagens assumindo o quarto lugar na Geral e primeiro na Marcas “B”. Valmor Emílio perdeu uma posição na Marcas “A”, ficando em terceiro lugar. Com a quebra da embreagem, Marcos Ramos, da Marcas Sênior, abandonou a corrida na oitava volta. Ao fim de 25 voltas, a vitória na Geral e na Marcas “A” de Cascavel foi de Luiz Pielak, seguido de Natan Sperafico, a 7s756, Thiago Klein, a 30s256, Erick Biscaia, a 1min09s425, e em quinto lugar, Júnior Caus, a uma volta. Na Marcas “A” de Curitiba, a vitória foi novamente de Gustavo Magnabosco, vindo a seguir Davi Dal Pizzol, a 34s490, e Valmor Emílio, a 44s610. Na Marcas “B” venceu Andrei Carta, com Eduardo Scheer em segundo, a 5s632, Marcelo Cancelli em terceiro, a 6s952, Yukio Duzanowski em quarto, a 19s997, Luiz Figueiras em quinto, a 36s090, e, Rodrigo Bastos em sexto, a 45s024. E na Sênior, vitória de Cláudio Simão, seguido de Algacir Sermann Filho, a 55s257, e Celso Mancia, a uma volta. A volta mais rápida da prova foi de Luiz Pielak, na 24.ª passagem, com o tempo de 1min18s442, à média de 140,343 km/h.

IMG_4027
Turismo 5000
A segunda prova das categorias Turismo 5000 “A” e “B”, às 11h20, teve boas disputas nas primeiras voltas, pela liderança da prova. Na largada, Marco Antonio Garcia manteve a primeira posição, seguido de perto por Maurício Reuter, Eduardo Berlanda, Marco Aurélio Garcia e Armin Kliewer, que travaram bons “pegas” até a 9.ª volta. Osvaldo Scheer quebrou na segunda volta. Na categoria “B”, Márcio Reuter e Richerd Heidrich dispararam na frente, abrindo boa vantagem para os demais concorrentes. Depois de 18 voltas, vitória na Geral e Turismo 5000 “A” de Marco Antonio Garcia, seguido de Armin Kliewer, a 5s172, Maurício Reuter, a 5s230, Eduardo Berlanda, a 6s058, e em quinto lugar, Marco Aurélio Garcia, a 9s583. Na Turismo 5000 “B”, venceu Márcio Reuter, com Richard Heidrich em segundo, a 3s324, Rubens Kliewer em terceiro, a 27s386, e, Marco André Garcia em quarto, a 1min08s531. Armin Kliewer marcou a volta mais rápida da prova, na 9.ª passagem, com tempo de 1min16s504, à média de 143,898 km/h.

IMG_3117
Turismo 1.6
A segunda prova das categorias Turismo 1.6 “A” e “B”, que largou às 14h30, foi a penúltima a entrar na pista de Cascavel, com safety car por duas voltas, devido à forte chuva que caia naquele momento. Ruslan Carta Filho manteve a liderança na largada, seguido de Rafael Elias em segundo e Guilherme Scheer em terceiro. Na 3ª volta, Guilherme Scheer assumiu a liderança. Mesmo com a chuva a disputa era grande entre os quatro primeiros e também do sexto ao décimo colocados. Na nona volta, durante a entrada do safety car regulamentar, os dez primeiros eram Guilherme Scheer, Ruslan Carta Filho, Mitsui Duzanowski, Adriano Barbosa, José Pederneiras, Willians Peres, Renan Pietrowski, Alexandre Laska, Danny Berte Jr e Luiz Ferreira. Na relargada, Guilherme Scheer manteve a liderança, seguido de perto por Ruslan Carta Filho, Mitsui Duzanowski e Adriano Barbosa. Ao fim de 19 voltas, vitória de Guilherme Scheer na Geral e na Turismo 1.6 “B”, seguido de Mitsui Duzanowski, a 1s418, Adriano Barbosa, a 1s857, Alexandre Laska, a 3s248, Wilians Peres, a 6s552, e em sexto lugar, José Pederneiras, a 9s090. Na Turismo 1.6 “A”, vitória de Ruslan Carta Filho, com Luiz Ferreira em segundo, a 9s511, Rodrigo Kostin em terceiro, a 9s684, André Andretta em quarto, a 14s057, e em Marcelo Cordeiro em quinto, a 16s730. A volta mais rápida da prova foi de Ruslan Carta Filho, na 18.ª passagem, com o tempo de 1min25s483, à média de 128,784 km/h. A sétima etapa do Metropolitano de Curitiba de Marcas e Pilotos 2013 está marcada para os dias 11, 12 e 13 de outubro, no Autódromo Internacional de Curitiba (AIC), em Pinhais.

Tags: