Porsche investe na produção de carros esportivos na fábrica sede

18 de julho de 2014

fabricamapaA Diretoria Executiva e o Conselho de Trabalho do fabricante de carros esportivos Porsche implantaram medidas de respaldo a empregos para a fábrica de Zuffenhausen, para garantir os mais de 3.100 cargos de produção industrial que já existem naquele local e para permitir um maior crescimento. Os principais aspectos do acordo planejado “Site package 2020”, que serão negociados a partir do terceiro trimestre de 2014, incluem uma maior ampliação do setor de montagem de veículos, bem como novas instalações de construção da carroceria para os modelos de duas portas. Isso significa que no futuro o Boxster e o Cayman, bem como o 911 e o supercarro esportivo 918 Spyder, serão exclusivamente fabricados na fábrica sede em Stuttgart. As medidas planejadas envolvem um volume de investimento no valor de mais de 400 milhões de euros, e pelo menos um terço desta quantia será financiada pelo aumento da “flexibilização” dos horários de trabalho e intervalo.

f834“A fábrica sede em Zuffenhausen é o local de exposição da marca Porsche, e é considerada o epítome da qualidade, produtividade e flexibilidade máximas de produção, e não apenas no mundo automotivo”, afirma Oliver Blume, Integrante da Diretoria Executiva de Produção e Logística da Porsche AG. Para garantir que ela permaneça assim, a empresa anunciou no ano passado o investimento de mais 700 milhões de euros nas instalações gerais da Porsche localizadas no norte de Stuttgart até o ano de 2018.

Dentre o valor total de investimentos, cerca de 300 milhões de euros estão planejados para serem usados em instalações de construção de carroceria completamente novas, onde as carrocerias dos carros esportivos serão fabricadas com tecnologias de última geração. A fábrica já conta com uma oficina de pintura altamente avançada, que começou a funcionar em 2011 depois de receber investimentos no valor de 200 milhões de euros. “Há muitos anos que toda a equipe na fábrica de Zuffenhausen tem registrado um recorde atrás do outro, e também fomos bem sucedidos no aumento de nossa produtividade, chegando a um ponto em que conseguimos diminuir o horário de trabalho para 34 horas por semana com neutralidade de custos”, disse Oliver Blume.

Devido aos limites da capacidade, alguns dos carros têm sido fabricados na fábrica de multimarcas da Volkswagen em Osnabrück, Alemanha, desde 2012, e eles continuarão a ser fabricados lá até o final de 2016. Ao mesmo tempo, a Porsche vai atender à alta demanda pelos seus modelos Cayenne, Macan e Panamera montando o Cayenne na fábrica de Osnabrück, que conta com um estimado legado de fabricação de carros esportivos, a partir do segundo semestre de 2015, além de sua fabricação em Leipzig. Para dar respaldo à continuidade da bem-sucedida parceria corporativa, outros 25 milhões de euros serão investidos naquela localidade, permitindo a montagem de uma produção anual média de 20.000 SUVs de luxo.

A Porsche entregou no total aproximadamente 84.000 SUVs Cayenne, 25.700 unidades do Boxster e Cayman para dois passageiros, bem como 30.200 unidades do icônico 911 e 22.000 carros Panamera.

 

 

Fotos: Divulgação