Igor Figueiredo avalia participação no Brasileiro de Kart

2 de agosto de 2014

igor figueiredo 02Robério Lessa – Direto de Itu (SP) –  Em sua estreia pela equipe DNA Racing na categoria Sênior B dana segunda fase do 49º Campeonato Brasileiro de Kart, que foi encerrado neste  sábado (02) no kartódromo Brasil Kirin Arena, em Itu (SP), o piloto cearense Igor Figueiredo (Iguauto Veículos) lamentou o toque que sofrera na segunda volta da prova final e que provocou o seu abandono quando ocupava a 12º posição e lutava para superar seus oponentes.

Igor havia terminado a pré-final (disputada na sexta) e tinha confiança em fazer uma boa corrida, já que encontrara o acerto ideal junto com o engenheiro e preparador Jeison Teixeira.

Os dois passaram a tarde e a noite da sexta (01) estudando os mapas de tempo, e revendo os vídeos das corridas anteriores. O piloto patrocinado pela Iguauto Veículos seguira a mesma rotina dos outros dias, porém decidira dormir mais cedo para descansar mais em vistas à final.

igor figueiredo 01Bom disposto e focado em seu objetivo, Igor viu seus planos caírem por terra depois de um toque que o tirou da prova, abreviando seu dia e frustrando suas expectativas.

“Procuro ser correto na pista, não fico tocando em ninguém, aí vem um e te joga pra fora na segunda volta! Isso é revoltante! Sei que fiz meu melhor, por isso saio daqui de cabeça erguida pois lutei muito todos os dias. Ano que vem minha meta é melhorar ainda mais, por isso acho que esse Brasileiro me deu a bagagem necessária e o norte para iniciar a preparação desde já esperando a 50ª edição em 2015”, disse Igor.

O 49º Campeonato Brasileiro de Kart teve promoção e organização da CNK (Comissão Nacional de Kart, órgão da CBA (Confederação Brasileira de Automobilismo), com apoio da FASP (Federação de Automobilismo do Estado de São Paulo).

ALDEIA MUNDO BANNER MATÉRIAS

Texto e Fotos: Robério Lessa.

Classificação final (extra-oficial) da categoria Sênior B

1º) Leandro Possenti (SC), 20 voltas em 17m28s471
2º) Alexandre Nunes de Souza (SP), a 1s003
3º) Evandro Camargo (SP), a 1s236
4º) Vinicius Serafim (RJ), a 1s404
5º) Fernando Assarice (SP), a 1s710
6º) Fabiano Laluce (PE), a 6s559
7º) Renan Rovai (SP), a 10s426
8º) Rodrigo Sein (SP), a 10s829
9º) Welson Jacometti (SP), a 11s738
10º) Cristiano Moraes (GO), a 17s349
11º) Santoro Moretto (SP), a 19s159
12º) Vinicius Simão (PR), a 25s749
13º) Eduardo Violante (SP), a 26s894
14º) Marco Raimundo (GO), a 34s782
15º) Rafael Contatto (PR), a 37s237
16º) Paulo Salles (PR), a 1 volta
17º) Valdemiro Cruz Neto (GO), a 6 voltas
18º) Danilo Almeida (GO), a 6 voltas
19º) Luiz Eduardo Salau (SC), a 15 voltas
20º) Nirson Lenz (SC), a 17 voltas
21º) Mauricio Sarri (SP), a 17 voltas
22º) Carlo Collet (MA), a 18 voltas
23º) Paulo Vicente Vieira Lopes (SP), a 18 voltas
24º) Alexandre Rodrigues (SP), a 20 voltas
25º) Igor Rocha Figueiredo (CE), a 20 voltas
26º) Fernando Meira (SP), a 24 voltas