Márcio Campos destaca saldo positivo em Goiânia

4 de agosto de 2014

3eac498ef37f645080adc33657158f19Márcio Campos havia vencido em Goiânia (GO) as corridas disputadas em 31 de maio e primeiro de junho, em rodada dupla do Campeonato Brasileiro de Turismo, feito que o credenciava à lista de principais favoritos nas provas deste sábado (02) e domingo (03), que levaram a categoria de acesso à Stock Car de volta ao Autódromo Internacional Ayrton Senna. Contudo, o piloto gaúcho da Sicredi Racing não conquistou vitórias.

Problemas mecânicos distintos limitaram Campos à quarta colocação na classificação final das duas corridas, ambas vencidas pelo paulista Guilherme Salas, da W2 Racing, novo líder da competição. Salas foi a 105 pontos, três à frente do vice-líder mineiro Edson Coelho, da RSports, que ficou em sexto na primeira prova da rodada dupla goiana e foi terceiro na disputa deste domingo. Campos, em terceiro na tabela, soma 98 pontos.

“Na corrida de ontem eu estava perdendo muito rendimento na reta, até pensava que era rendimento do motor. Na revisão a equipe viu que o problema era com o diferencial e o diferencial foi trocado para a corrida de hoje”, relatou Campos. “Hoje foi o câmbio que me impediu de brigar por um lugar no pódio. Achei que não conseguiria chegar ao fim da corrida. Nem sempre dá tudo certo. Pensando no campeonato, o saldo foi positivo”, comentou.

Antes das duas corridas do fim de semana em Goiânia, Campos estava em terceiro lugar, cinco pontos atrás de Coelho, então líder. Passada a rodada dupla, ele segue em terceiro a sete pontos de Salas, que assumiu o comando da tabela. “Quem quer disputar o título tem que chegar sempre entre os cinco primeiros. Com todos os problemas que enfrentamos, conseguir dois quartos lugares foi bastante produtivo para o campeonato”, disse.

A oitava etapa será disputada no dia 17 de agosto em Cascavel (PR), no Autódromo Internacional Zilmar Beux, em rodada simples.

Texto: Grelak/Divulgação.
Foto: Vanderley Soares/divulgação.