Acidente interrompe boa prova de Michelle na Argentina

16 de setembro de 2014

234063_437017_20140914_268_truckcordoba_rodrigoruiz_03400A sétima corrida do ano da Fórmula Truck, disputada neste domingo (14) no Autódromo Oscar Cabalén, em Córdoba, tinha tudo para terminar bem para a piloto Michelle de Jesus. A paulista do Volvo N° 33 já estava na zona de pontos quando se envolveu num acidente com Jansen Bueno (Scania), na 13a volta da prova, que foi vencida por Leandro Totti (Volkswagen).

O paranaense saiu ileso da batida, mas Michelle teve que ser retirada do “Baby Truck” (apelido dado por ela ao caminhão da ABF) com um colar cervical. A ação preventiva adotada pela equipe de resgate se deu por conta do forte impacto, que provocou diversas dores, principalmente na mão e no pulso da paulista.

Agora, ela passará por exames no Hospital de Alta Gracia para verificar se houve algum tipo de fratura. Mais uma vez, a categoria comprovou a segurança dos caminhões, já que, apesar do acidente ter destruído boa parte do truck, a piloto saiu do cockpit andando.

234063_437016_20140914_268_truckcordoba_rodrigoruiz_02985No momento da pancada, Michelle já estava na zona de pontos, mesmo sendo a estreia dela na pista argentina. “Foi um trabalho árduo para andar no ritmo dos outros pilotos. Começamos na sexta e durante a prova eu já estava à frente de vários competidores, evoluindo a cada volta. Foi realmente uma pena ter ficado pelo caminho, pois somaríamos mais pontos no Campeonato”, lamenta.

A equipe terá poucos dias para arrumar o Volvo N° 33, já que no dia 12 de outubro acontece a próxima etapa, em Guaporé (RS). O circuito gaúcho também é novidade para Michelle, que faz sua temporada de estreia na Fórmula Truck.

Fotos: Rodrigo Ruiz/Central Press

2007-2014 – carrosecorridas.com.br – Todos os direitos reservados – Proibida a reprodução sem autorização