Equipe Center Moto conclui mais uma etapa no Moto 1000 GP

21 de setembro de 2014

Alex Pires - Equipe Center Moto 2014 - pistaA quinta etapa do Moto 1000 GP, o Campeonato Brasileiro de Motovelocidade, foi marcada por corridas muito disputadas e emocionantes na pista do Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Goiânia, uma novidade para a maioria dos competidores. A Equipe Center Moto participou das provas com dois desfalques: o português Miguel Praia, categoria GP 1000, casou-se no sábado (20), em Portugal, e o carioca Marcelo Cortes, categoria GP Light, sofreu um acidente nos treinos livres de sexta (19), e não participou.

Na categoria GP 1000 o primeiro lugar foi do piloto francês Matthieu Lussiana, Petronas Alex Barros Racing, líder do campeonato, seguido do piloto argentino Luciano Ribodino, Team Suzuki PRT, em segundo e Marcos Solorza, Solorza Competition, em terceiro.

Com o desfalque do piloto carioca Marcelo Cortes, Center Moto Racing Team, a categoria GP Light teve como primeiro colocado o brasiliense Henrique Castro, City BSB Motor Racing, Ian Testa, Motonil Motors-PDV Brasil, em segundo e Lucas Teodoro, BMW Motorrad Alex Barros Racing, em terceiro. O carioca Pedro Lins, Center Moto Racing Team, chegou em 11º lugar.

O destaque ficou por conta do pilot argentino Nicolas Tortone, MGBikes Yamaha Racing, que largou em sexto lugar e contornou a primeira curva como líder. Porém, sua liderança durou poucas curvas. Ainda na primeira volta ele caiu para a quarta posição, depois de ser ultrapassado por Ian Testa, Lucas Teodoro e Davi Costa. Mas nada estava definido.

A reação de Henrique Castro começou na quinta volta, com a ultrapassagem sobre Tortone. Duas voltas depois, em uma única manobra no final da reta dos boxes, o brasiliense superou Rodrigo de Benedictis e Davi Costa, assumindo o terceiro lugar. Ainda na sétima volta ele conseguiu a segunda colocação e na décima-quinta e penúltima volta assumiu a liderança e recebeu a bandeirada da vitória.

Na categoria GP 600 a vitória foi do piloto argentino estreante Juan Manuel Solorza, Solorza Competition, seguido pelo uruguaio Maximiliano Gerardo, MGBikes Yamaha Racing, em segundo, e pelo argentino Sebastian Martínez, MGBikes Yamaha Racing. O piloto carioca Alex Pires, Center Moto Racing Team, chegou em sétimo, e não conseguiu subir ao pódio como petrendia. “Foi uma corrida, que teve uma disputa muito forte e acirrada. Acabei chegando na mesma posição que larguei”, falou Alex Pires.

Na categoria GPR 250 o paulistano Lucas Torres, Estrella Galícia Racing, chegou na frente com Hebert Pereira, Aclat Racing, em segundo e Meikon Kawakami, PlayStation-PRT, em terceiro lugar.

Texto e Foto: Divulgação.