Jean Ramos (Pró) e Hector Assunção (MX2) vencem última e decisiva etapa do Arena Cross

28 de setembro de 2014

1Os pilotos Jean Ramos e Hector Assunção foram os vencedores das categorias Pró e MX2, respectivamente, da quinta e última etapa do Arena Cross 2014. A decisão aconteceu neste sábado (27), em Itapema (SC), em pista difícil e pesada, devido à chuva que caiu na cidade.
O paranaense Jean, da Vulcano Ipiranga IMS Levorin, cruzou a linha de chegada na frente da segunda corrida da Pró, para motos 450cc, e terminou em segundo a primeira prova, garantindo a vitória na etapa e o vice-campeonato na categoria, com 148 pontos, com a CRF 450R.

Hector, paulista da Equipe Honda Mobil, levou a melhor na bateria única da MX2, para motos 250cc, que já tinha conhecido o bicampeão antecipado, Paulo Alberto, com a CRF 250R. Também piloto oficial Honda, o português não disputou a final devido à participação no Motocross das Nações, realizado também neste fim de semana, na Letônia.
2BATERIA MX2 – O paulista Hector Assunção fez o holeshot e diante de um circuito traiçoeiro conseguiu abrir grande vantagem na primeira posição. Nos minutos finais da bateria, o brasileiro sofreu uma queda, mas levantou rapidamente e venceu a bateria. “Estou muito feliz com a vitória, a pista estava muito difícil e pesada. Foi uma prova que exigiu muita concentração. Tive uma boa vitória em um ritmo forte, o que me dá confiança para as outras provas que temos ainda nesta temporada”, ressalta Hector.

Ótima corrida de recuperação para o norte-americano Blake Wharton. O piloto convidado Honda caiu na largada e voltou para a prova na penúltima posição. O experiente competidor ultrapassou dez adversários até chegar à terceira colocação, o primeiro pódio conquistado no Brasil. “Tive uma queda no começo e forcei bastante para conquistar o terceiro lugar. Está sendo ótimo correr no Brasil, com pilotos de vários países e em pistas diferentes do que estou acostumado”, comenta Blake.

31ª BATERIA PRÓ – O equatoriano Jetro Salazar, da Escuderia X, começou bem na segunda posição, ultrapassou o espanhol Carlos Campano e assumiu a frente. Ainda nas primeiras voltas, ambos cometeram erros e abriram espaço para o inglês Adam Chatfield, da Vulcano Ipiranga IMS Levorin, que pegou a liderança, porém perdeu a posição para Campano. Mais cauteloso, o brasileiro Jean Ramos andou a maior parte da prova na segunda colocação. Faltando um minuto para o fim do tempo da corrida, Jean tentou tomar a posição do espanhol e os dois acabaram saindo da pista. Na retomada, o brasileiro ficou em segundo e Campano venceu a bateria.

2ª BATERIA PRÓ – Jean Ramos, que começou em segundo, ultrapassou o espanhol Carlos Campano na sexta volta e disparou na liderança para vencer a corrida e a etapa. “Foi uma prova dura e pesada. Tentei ao máximo conquistar o campeonato, mas saio de cabeça erguida”, diz Jean.

4O inglês Adam Chatfield fechou a bateria na segunda colocação, seguido do goiano Wellington Garcia, da Equipe Honda Mobil, que também ficou em terceiro lugar no campeonato. Campano terminou em quarto e levou o título da Pró.

BATERIA JÚNIOR – O piloto Honda Vinicius Abreu, da Dunas Team, ficou com a terceira colocação na última etapa e também na classificação geral da categoria, com 62 pontos. A vitória e o título foi para Enzo Lopes.

RESULTADOS (CINCO PRIMEIROS)

BATERIA MX2
1º Hector Assunção N° 30
2º Fábio dos Santos N° 987
3º Blake Wharton N° 731
4º Marçal Muller N° 544
5º Eduardo Lima N° 2

SOMA DAS BATERIAS PRÓ
1º Jean Ramos N° 18 – 37 pontos
2º Carlos Campano N° 115 – 33 pontos
3º Adam Chatfield N° 407 – 30 pontos
4º Wellington Garcia N° 21 – 30 pontos
5º Marcello Lima N° 5 – 22 pontos

1ª BATERIA PRÓ
1º Carlos Campano N° 115
2º Jean Ramos N° 18
3º Wellington Garcia N° 21
4º Adam Chatfield N° 407
5º Marcello Lima N° 5

2ª BATERIA PRÓ
1º Jean Ramos N° 18
2º Adam Chatfield N° 407
3º Wellington Garcia N° 21
4º Carlos Campano N° 115
5º Marcello Lima N° 5

JÚNIOR
1º Enzo Lopes N° 16
2º Djalma Brito N° 102
3º Vinicius Abreu N° 143
4º Lucas Nogueira N° 57
5º Thiago Brenner N° 24

CLASSIFICAÇÃO DO CAMPEONATO

MX2
1º Paulo Alberto N° 1 – 80 pontos
2º Anderson Cidade N° 20 – 67 pontos
3º Eduardo Lima N° 2 – 61 pontos
4º Marçal Muller N° 544 – 58 pontos
5º Fábio dos Santos N° 987 – 55 pontos
6º Hector Assunção N° 30 – 54 pontos

PRÓ
1º Carlos Campano N° 115 – 150 pontos
2º Jean Ramos N° 18 – 148 pontos
3º Wellington Garcia N° 21 – 125 pontos
4º Jetro Salazar N° 920 – 123 pontos
5º Pipo Castro N° 10 – 99 pontos

JÚNIOR
1º Enzo Lopes N° 16 – 80 pontos
2º Djalma Brito N° 102 – 79 pontos
3º Vinícius Abreu N° 143 – 62 pontos
4º Yuri Campelo N° 818 – 52 pontos
5º Renato Muguinho N° 101 – 51 pontos