Felipe Fraga volta a andar bem na Stock Car

29 de setembro de 2014

235354_440986_09_28_fraga0002O tocantinense Felipe Fraga foi um dos grandes destaques da nona etapa da Stock Car, disputada hoje em formato de rodada dupla em Santa Cruz do Sul (RS). Na primeira prova, o jovem piloto de 19 anos largou em nono, perdeu uma posição na largada, mas conseguiu fazer várias ultrapassagens e, aliado a uma boa estratégia de abastecimento, terminou a prova longa (40 minutos mais uma volta) em quinto lugar.

Na segunda corrida da etapa gaúcha (20 minutos mais uma volta), com o grid invertido entre os dez primeiros colocados da primeira disputa, Fraga também chegou em quinto em um GP marcado por diversas intervenções do safety car.

235354_440988_09_28_fraga0004Com o resultado, o mais jovem vencedor da história da Stock Car somou 26 pontos para o campeonato – apenas quatro a menos que o maior pontuador do final de semana, Thiago Camilo (que venceu a corrida maior, de 40 minutos).

“Fiquei muito contente em voltarmos a ter um final de semana competitivo, com top-5 nas duas corridas. Desde o primeiro dia de treinos, na sexta, vimos que nosso carro estava de volta ao patamar de antes, quando ganhamos corrida em Interlagos, Goiânia e fizemos a pole em Brasília”, diz Fraga, que corre com o patrocínio do Governo do Estado do Tocantins e da EHL e apoio da Red Bull.

235354_440989_09_28_fraga0001O jovem piloto destacou o bom rendimento do carro ao longo do final de semana. “Conseguimos uma vaga no Q2 e, largando na nona colocação, dava para fazer uma estratégia de pit stop mais ousada e que acabou dando certo, com os dois quinto lugares mostraram. A equipe Vogel está de parabéns pelo trabalho feito hoje e pela recuperação de nossa competitividade. Ainda dá para melhorarmos para as próximas etapas e esperamos conquistar mais pódios e vitórias”, completou o tocantinense.

Gualter Salles, chefe da equipe Vogel, também destacou o bom rendimento do time hoje em Santa Cruz do Sul.

“Foi um grande resultado para todos nós depois de quatro etapas em que tivemos muitos problemas. O Felipe (Fraga) foi um dos maiores pontuadores do final de semana e sem dúvida a nossa estratégia ousada de pit stop na primeira corrida foi determinante para que ele conseguisse dois top-5 na rodada dupla, algo que poucos pilotos conseguiram neste ano”, diz Salles.

A próxima rodada dupla da Stock Car será no dia 2 de novembro, em Tarumã, na Grande Porto Alegre (RS).

Oa resultados em Santa Cruz do Sul:

Corrida 1:

1 – Thiago Camilo – Ipiranga-RCM – Chevrolet – 27 voltas em 41:59.283
2 – Daniel Serra – Red Bull Racing – Chevrolet – a 0.746
3 – Allam Khodair – Full Time Competições – Chevrolet – a 5.523
4 – Marcos Gomes – Schin Racing Team – Peugeot – a 6.639
5 – Felipe Fraga – Vogel Motorsport – Chevrolet – a 7.257
6 – Felipe Lapenna – Hot Car Competições – Chevrolet – a 9.006
7 – Antonio Pizzonia – Prati-Mico’s Racing – Peugeot – a 9.393
8 – Julio Campos – Prati-Mico’s Racing – Peugeot – a 9.892
9 – Max Wilson – Eurofarma RC – Chevrolet – a 11.902
10 – Rafa Matos – Hot Car Competições – Chevrolet – a 14.178
11 – Lucas Foresti – RC3 Bassani – Peugeot – a 17.506
12 – Alceu Feldmann – Hanier Racing – Peugeot – a 21.334
13 – Ricardo Mauricio – Eurofarma RC – Chevrolet – a 21.795
14 – Gabriel Casagrande – C2 Team – Chevrolet – a 22.453
15 – Cacá Bueno – Red Bull Racing – Chevrolet – a 22.978
16 – Diego Nunes – C2 Team – Chevrolet – a 23.301
17 – Valdeno Brito – Shell Racing – Chevrolet – a 23.461
18 – Rafael Suzuki – ProGP – Chevrolet – a 26.652
19 – Rubens Barrichello – Full Time Competições – Chevrolet – a 32.155
20 – Felipe Tozzo – Boettger Competições – Peugeot – a 30.757
21 – Bia Figueiredo – ProGP – Chevrolet – a 1:19.822
22 – Átila Abreu – Mobil Super Racing – Chevrolet – a 1:27.953
23 – Ricardo Zonta – RZ Motorsport – Chevrolet – a 1 volta
24 – Galid Osman – Ipiranga-RCM – Chevrolet – a 1 volta
25 – Popó Bueno – Shell Racing – Chevrolet – a 5 voltas
26 – Nonô Figueiredo – Mobil Super Racing – Chevrolet – a 7 voltas
27 – Luciano Burti – Vogel Motorsport – Chevrolet – a 10 voltas
28 – Beto Cavaleiro – Hanier Racing – Peugeot – a 12 voltas
29 – Fabio Fogaça – Schin Racing Team – Peugeot – a 17 voltas
30 – Sergio Jimenez – Voxx Racing Team – Peugeot – a 23 voltas
31 – Denis Navarro – Voxx Racing Team – Peugeot – a 24 voltas
32 – Tuka Rocha – RZ Motorsport – Chevrolet – a 24 voltas

Corrida 2:

1 – Rafa Matos – Hot Car Competições – Chevrolet – 13 voltas em 22:44.812
2 – Julio Campos – Prati-Mico’s Racing – Peugeot – a 0.221
3 – Max Wilson – Eurofarma RC – Chevrolet – a 0.959
4 – Antonio Pizzonia – Prati-Mico’s Racing – Peugeot – a 1.471
5 – Felipe Fraga – Vogel Motorsport – Chevrolet – a 3.016
6 – Felipe Lapenna – Hot Car Competições – Chevrolet – a 4.144
7 – Marcos Gomes – Schin Racing Team – Peugeot – a 4.579
8 – Daniel Serra – Red Bull Racing – Chevrolet – a 4.979
9 – Thiago Camilo – Ipiranga-RCM – Chevrolet – a 5.742
10 – Lucas Foresti – RC3 Bassani – Peugeot – a 6.466
11 – Rubens Barrichello – Full Time Competições – Chevrolet – a 8.196
12 – Ricardo Mauricio – Eurofarma RC – Chevrolet – a 9.346
13 – Sergio Jimenez – Voxx Racing Team – Peugeot – a 11.000
14 – Cacá Bueno – Red Bull Racing – Chevrolet – a 11.466
15 – Rafael Suzuki – ProGP – Chevrolet – a 11.476
16 – Ricardo Zonta – RZ Motorsport – Chevrolet – a 12.878
17 – Átila Abreu – Mobil Super Racing – Chevrolet – a 13.004
18 – Bia Figueiredo – ProGP – Chevrolet – a 13.786
19 – Nonô Figueiredo – Mobil Super Racing – Chevrolet – a 13.905
20 – Vitor Genz – Boettger Competições – Peugeot – a 23.612
21 – Beto Cavaleiro – Hanier Racing – Peugeot – a 25.256
22 – Allam Khodair – Full Time Competições – Chevrolet – a 1 volta
23 – Valdeno Brito – Shell Racing – Chevrolet – a 1 volta
24 – Gabriel Casagrande – C2 Team – Chevrolet – a 5 voltas
25 – Felipe Tozzo – Boettger Competições – Peugeot – a 5 voltas
26 – Galid Osman – Ipiranga-RCM – Chevrolet – a 5 voltas
27 – Popó Bueno – Shell Racing – Chevrolet – a 5 voltas
28 – Alceu Feldmann – Hanier Racing – Peugeot – a 12 voltas
29 – Diego Nunes – C2 Team – Chevrolet – a 12 voltas

Campeonato:

1 – Átila Abreu – 145,5
2 – Rubens Barrichello – 145
3 – Thiago Camilo – 136,5
4 – Cacá Bueno – 134
5 – Julio Campos – 124,5
6 – Sergio Jimenez – 123
7 – Max Wilson – 119
8 – Antonio Pizzonia – 117,5
9 – Marcos Gomes 116
10 – Daniel Serra – 115
11 – Ricardo Mauricio – 112,5
12 – Allam Khodair – 109
13 – Valdeno Brito – 102
14 – Felipe Fraga – 84
15 – Galid Osman – 82,5
16 – Felipe Lapenna – 69
17 – Ricardo Zonta e Rafa Matos – 67
19 – Denis Navarro – 60
20 – Diego Nunes – 55
21 – Popó Bueno – 49
22 – Vitor Genz – 39
23 – Luciano Burti e Gabiel Casagrande – 44
25 – Lucas Foresti – 42,5
26 – Tuka Rocha – 38
27 – Alceu Feldmann – 30
28 – Nonô Figueiredo – 22,5
29 – Bia Figueiredo – 14
30 – Rafael Suzuki – 12,5
31 – Felipe Tozzo – 7
32 – Fábio Fogaça – 6

Fotos: Bruno Terena/Red Bull Content Pool

2007-2014 – carrosecorridas.com.br – Todos os direitos reservados – Proibida a reprodução sem autorização.