Líderes do SuperBike Series planejam dobradinha em Santa Cruz do Sul

17 de outubro de 2014

honda14cbr42_bubv_14092014001Os pilotos da Equipe Honda Mobil dominaram a temporada do SuperBike Series Brasil até aqui. Maico Teixeira e José Luiz Cachorrão chegam à penúltima etapa do ano, que acontece em Santa Cruz do Sul, neste final de semana, entre os dias 17 e 19 de outubro, como líder e vice-líder do campeonato. Na decisiva reta final, a dupla espera manter o bom desempenho no ShowDown e já planeja uma dobradinha Honda.

Nas últimas provas, por causa do ShowDown, os pilotos da categoria SuperBike encaram rodadas com duas corridas. Ou seja, serão 50 pontos em disputa em Santa Cruz do Sul e mais 50 pontos na etapa de Goiânia, que fechará a temporada do campeonato. Além disso, as pontuações dos oito primeiros foram alteradas de acordo com a classificação de cada um, o que deixa a disputa ainda mais emocionante.

Maico Teixeira é o líder, com 525 pontos, e grande destaque do SuperBike. Em busca do bicampeonato, o gaúcho, que fez todas as seis poles do ano e venceu as últimas quatro etapas, está feliz e ansioso para correr em casa. “Vai ter muita gente conhecida, meus amigos, minha família. Vão sair duas vans e um ônibus da minha cidade Alvorada rumo a Santa Cruz do Sul, com 80 pessoas. Isso tudo é muito bom, mas gera uma pressão também. Além disso, será o início do Showdown, então tem que andar com bastante atenção. Até porque é uma pista muito técnica”, explica.

honda14cbr42_bubv_14092014002Já Cachorrão, segundo colocado da principal categoria, com 522 pontos, fala da sua boa relação com o companheiro de equipe e projeta uma dobradinha. “A expectativa é bem grande. A busca pela dobradinha é incessante, até mesmo porque esperamos ir com boa vantagem para Goiânia, na última etapa. Santa Cruz do Sul está na terra do Maico. Ele conhece bem a pista lá, tenho certeza que vai me dar umas dicas também”.

O piloto de Indaiatuba faz uma análise sobre essa reta final e garante que sairá vencedor aquele que tiver “tiver mais cabeça e souber a hora certa de acelerar forte”. “Temos uma equipe muito bem estruturada. Nosso chefe de equipe e mecânicos nos dão um apoio grande e isso ajuda muito, além da nossa experiência, que também pode fazer a diferença”, conclui.

Fotos: VIPCOMM

2007-2014 – carrosecorridas.com.br – Todos os direitos reservados – Proibida a reprodução sem autorização.