Honda abre vantagem no SuperBike Series Brasil

4 de novembro de 2014

unnamedA última etapa do SuperBike Series Brasil, que acontece em Goiânia (GO), entre os dias 14 e 16 de novembro, promete ser emocionante não só para os pilotos das oito categorias em disputa. Isso porque, neste ano, foi criado o campeonato de marcas para a SuperBike Pro, a principal categoria do evento, com motos de 1000cc, que ainda está em aberto e terá a montadora campeã conhecida somente após a bandeira quadriculada.

Sempre presente através de seus principais pilotos Maico Teixeira (36) ou José Luiz Cachorrão (51), a Honda aparece na primeira colocação, com 191 pontos, e está a um passo do título. São 18 pontos de vantagem para as demais.
Na briga pelo título, a Kawasaki é a montadora que figura em segundo lugar e é representada por Bruno Corano (34), somando 173 pontos.

A BMW é a terceira, com 146 pontos, representada por Pablo Nunes (777), piloto que mais pontuou para a marca. A Ducati, que no começo do campeonato liderava após duas vitórias seguidas do piloto Sebastiano Zerbo (81), perdeu posições ao decorrer do ano com quedas e abandonos dos seus integrantes. No meio do campeonato, Zerbo passou a competir com uma moto Kawasaki, e apenas Diego Pretel (88) ficou com a função de defender a montadora italiana. Com esse cenário, a marca segue na quarta posição, com 132 pontos. Na quinta colocação aparece a Suzuki, com 66.

A mecânica do campeonato é muito simples. A pontuação é contabilizada a partir do melhor resultado obtido por um piloto de cada marca (Honda, Kawasaki, BMW, Ducati e Suzuki), durante cada etapa. Depois, são atribuídos de 25 a 16 pontos para as montadoras, de acordo com a posição final (de 1º a 5º lugar) na prova.

Foto: Divulgação

2007-2014 – carrosecorridas.com.br – Todos os direitos reservados – Proibida a reprodução sem autorização.