Universo em Duas Rodas estreia no Carros e Corridas

4 de novembro de 2014

1904049_581346735290463_1976643847_nCaros leitores do Carros e Corridas.

Começamos hoje mais um capítulo na história do site. Desde sua criação em 2006 sentia falta de uma coluna dedicada ao mundo das duas rodas. Não bastavam as notícias sobre as motos e sobre as competições, pois existe um grande Universo em Duas Rodas que merece ser destacado na mídia.

A falta de tempo para me dedicar de forma devida ao tema não me permitia escrever pontualmente para um público que deseja se informar e divulgar as aventuras dos motoclubes. Por isso buscamos um parceiro que chega para somar-se aos outros colaboradores do site, e que traz consigo a paixão pelas motocicletas e a vivência dos motoclubes.

Apresento agora para vocês a nova coluna que tem sua primeira edição publicada neste dia quatro de novembro de 2014 e é assinada pelo jornalista Silvio Augusto. Profissional da Imprensa Cearense com atuação nas rádios Verdes Mares AM 810, e Rádio FM Assembleia 96,7, Silvio também divide seu tempo organizando passeios e eventos com os parceiros do Anonymous Moto Grupo.

Espero que gostem.

Robério Lessa – Editor

525253_451836658237252_414743053_nOlá amigos do Carros e Corridas! A partir de hoje estarei aqui com vocês trazendo tudo sobre o mundo do motociclismo, como as novidades de mercado, acessórios, notícias, dicas de segurança e passeios, eventos e entrevistas.

Minha paixão por motos começou lá pelos 10 anos de idade, quando fiquei de frente a uma Yamaha TT 125cc de um tio meu. Aquela máquina com motor dois tempos parecia música ao meu ouvido e ficava imaginando um dia poder pilotá-la.

Desde então a minha paixão pelas duas rodas só aumentou. De vez em quando pegava a moto de um amigo, dava umas voltinhas para ir aprimorando a realização de um sonho, sei que estava errado, mas era a única forma de aplacar tão arrebatadora paixão pelas máquinas.

Aos 18 anos tirei a carteira de habilitação para moto após ser reprovado no exame para dirigir carros. Ao chegar em casa meu pai perguntou: “passou? Tirou a carteira?”. Não podia mentir e disse que tinha passado só no de moto. Ele ficou irado comigo, porque não sabia dessa novidade.

De lá pra cá muitos quilômetros rodados, experiências, lugares conhecidos, novas amizades e, como jornalista, uno o útil ao agradável: passo, a partir de agora a dividir o UNIVERSO EM DUAS RODAS com vocês.
Lançamentos, mercado de motos, dicas de segurança, passeios, o universo dos motoclubes, tudo isso terá seu espaço aqui no Carros e Corridas, um espaço sobre Carros, Motos e Corridas.

Harley DavidsonLançamento – A Harley Davidson lança o seu mais novo modelo no mercado, a “Nova Breakout”.  Uma cruiser Premium inspirada nas clássicas motos Gasser dos anos 50 e 60.

O que mais chama a atenção na NB são as rodas grandes e a pintura cromada Hardy Candy Custom Quicksilve Flake que é mais do que uma simples pintura. É um acabamento com estilo de flocos de metal que dá a declaração de independência dando um brilho incomparável, com vigor e exclusividade!

Ela vem completa para agradar os apaixonados pelo estilo e que valorizam a  liberdade em duas rodas: motor cromado e preto; console rebaixado, freios ABS e um novo sistema de freio dianteiro que garante 40 por cento de redução na quantidade de força da alavanca exigida na frenagem; suspensão equilibrada e manuseio para garantir maior segurança durante a pilotagem; assento baixo que mantém o piloto mais próximo dos comandos e o guidão Drag-Style desenhados exclusivamente para o Modelo Breakout.

Apresenta postura ousada com suas rodas e para lamas chopped, com linhas perfeitas e perfil rebaixado. O pneu traseiro tem 240 mm, que envolve o aro Gasser e personifica a clássica herança Drag-Style.

Vem com velocímetro digital de quatro polegadas, montado em um suporte elevado para facilitar a visão do piloto, dispondo de leitura de velocidade, juntamente com o marcador de combustível e indicador de marcha.

A Breakout leva o motor com a força do TWIN CAM 96B, que proporciona mais torque em baixa rotação enquanto a injeção eletrônica de combustível, por portar sequencial, permite uma reação imediata à aceleração, ou seja, força, potência e design para acompanhar qualquer aventura.

Yamaha40 anos de Yamaha no Brasil – No dia 10 de outubro a Yamaha Motor Brasil comemorou 40 anos que sua fábrica de motos foi instalada no Brasil, sendo a RD 50, a famosa “cinquentinha”, o primeiro modelo produzido. Durante esse tempo, a fabricante japonesa lançou mais de 140 modelos. Depois da Yamaha RD 50, vieram a RD 75 e a RS 125, montada com todas as peças e acessórios fabricados no Brasil.

No Brasil, na década de 1970 foi fundado o primeiro escritório da empresa, na época ainda como importadora. Ficava situado na região central de São Paulo, à Rua General Osório. Nessa época desembarcaram as primeiras motocicletas de média cilindrada e as famosas 650 quatro tempos.

Em 1973 chegaram as motocicletas de média cilindrada da linha XS, posteriormente chamada de TX, com motos de 500cc, 650cc e 750cc. O projeto que previa a construção de uma fábrica localizada em Guarulhos (SP), ao lado da Rodovia Presidente Dutra, já vinha sendo desenvolvido, com a inauguração da primeira fábrica da Yamaha fora do Japão, o que aconteceu no ano seguinte.

Um detalhe interessante aconteceu no mesmo ano da inauguração da fábrica da Yamaha no Brasil, em 1974, quando o italiano Giacomo Agostini, considerado um dos maiores pilotos de motocicletas de todos os tempos, foi para a equipe da Yamaha no MotoGP, vencendo o Daytona 200 logo na sua estreia.

Este ano, a fábrica da Yamaha ganhou reforços de alta capacidade cúbica. O primeiro deles foi a aventureira XT 1200Z Super Ténéré. A Big Trail nacionalizada está disponível em duas versões. Uma delas é a requintada DX, com ajuste eletrônico na suspensão e aquecedores de manopla, além dos freios ABS combinados, item de série.

O Brasil se transformou no país que produz e comercializa os três modelos da família Ténéré (250 cc, 660 cc e 1.200 cc).

E a Yamaha está laçando no Brasil, a MT09, após seu lançamento na Europa. E é o mais recente modelo a sair da linha de montagem da Yamaha em Manaus (AM). Equipada com o recém-criado motor tricilíndrico de 847 cm³, a nova moto mistura elementos visuais de naked e supermoto e ainda pode servir de porta de entrada de outros modelos da família, como a MT-07 e a MT-125.

Dica de Segurança – Amigo motociclista, se em uma viagem estiver chovendo, sempre confira a pressão dos pneus. Se os mesmos estiverem 30 por cento abaixo do recomendado pelo fabricante, a probabilidade de sofrer um acidente aumenta significativamente!
Nunca pilote a sua moto com os pneus gastos. Sem a profundidade do desenho de escultura, o pneu perde a capacidade e a drenagem da água. Portanto, o risco de acidente é enorme.

Quando você avistar uma poça de água, quanto maior a velocidade do veículo e mais profunda for a poça, maior probabilidade de ocorrer uma aquaplanagem. A dica é pegar mais leve no acelerador, principalmente antes de entrar nas áreas com acumulo de água.

Lembre-se: nunca acione o freio ao passar em uma poça de água!

Escreva para o colunista: silvioaugustosvm@gmail.com

Fotos: Cláudia Leite/Yamaha/Harley Davidson – Divulgação.