Vitória na Fórmula E fica com D’Ambrosio após desclassificação de Lucas di Grassi

14 de março de 2016

 Por Robério Lessa – O piloto brasileiro Lucas di Grassi que cruzou a linha de chegada em primeiro, na etapa mexicana da Fórmula E, realizada na tarde do último sábado (12), no Autódromo Hermanos Rodríguez, na cidade do México, foi desclassificado por conta de irregularidade no peso do  seu carro.

A informação foi confirmada na noite do sábado (12), após vistoria dos comissários técnicos da competição, que aferiram a irregularidade em seu ABT Audi, o qual apresentava 1,8kg a menos que o peso mínimo permitido pelo regulamento da competição. O carro do brasileiro, de acordo com os comissários técnicos, pesava  886,2kg após a corrida,  quando deveria pesar 888kg, no mínimo.

Com a constatação, e consequente exclusão o brasileiro da prova, a vitória ficou com o belga Jérome D’Ambrosio, que havia chegado em segundo. O suíço Sebastien Buemi, o terceiro colocado na ordem de chegada subiu para o segundo posto, seguido por seu companheiro Nicolas Prost, da França em terceiro.

 A desclassificação custou caro para Lucas, que permaneceu com 76 pontos na classificação-geral da Fórmula E e viu seu rival na luta pelo título, Sebastien Buemi, abrir uma vantagem de 22 pontos na ponta da classificação.

A prova não foi nada boa para os brasileiros que amargaram maus resultados. Bruno Senna conseguiu chegar na 10ª posição e está na 12ª posição na classificação-geral com 12 pontos. Nelsinho Piquet, que foi campeão da primeira temporada, chegou apenas na 13ª posição, e está na 15ª posição da tabela com quatro pontos somados em cinco corridas disputadas.

A próxima etapa da Fórmula E acontece no dia dois de abril, com a realização do E-Prix de Long Beach, no estado da Califórnia, nos Estados Unidos.

Confira a classificação final do E-Prix do México:
01. Jerome D’Ambrosio, Dragon Racing, +5.416s (23)
02. Sebastien Buemi, Renault e.dams, +5.522s (15)
03. Loic Duval, Dragon Racing, +16.774s (12)
04. Nico Prost, Renault e.dams, +30.953s (10)
05. Robin Frijns, Andretti Formula E, +33.893s (8)
06. Sam Bird, DS Virgin Racing, +34.344s (6)
07. Daniel Abt, Abt Schaeffler Audi Sport, +35.467s (4)
08. Nick Heidfeld, Mahindra Racing, +41.789s (2)
09. Stephane Sarrazin, Venturi, +42.707s (1)
10. Bruno Senna, Mahindra Racing, +43.019s
11. Oliver Turvey, NEXTEV TCR, +44.014s
12. Mike Conway, Venturi, +44.206s
13. Nelson Piquet Jr, NEXTEV TCR, +47.767s
14. Simona de Silvestro, Andretti Formula E, +49.387s
15. Salvador Duran, Team Aguri, +1:08.498s
16. Jean-Eric Vergne, DS Virgin Racing, +1 volta
Não completou a prova:
Antonio Felix da Costa, Team Aguri, DNF
Desclassificado:
Lucas di Grassi – Abt Schaeffler Audi Sport

Fotos: Fórmula E/Divulgação.

2007 – 2016 carrosecorridas.com.br – Todos os direitos reservados – Proibida a reprodução sem autorização

Tags: