Fórmula Um abre temporada de 2016

17 de março de 2016

KyvatPor Robério Lessa – A Fórmula Um dá início a temporada de 2016 com a realização, neste domingo (20), do Grande Prêmio da Austrália, no circuito de rua em Albert Park, Melbourne, Austrália.

Na manhã (horário local), noite no Brasil, desta quinta (17), será realizada a primeira sessão de treinos livres com a movimentação dos 22 carros, das 11 escuderias.

A grande novidade entre as equipes é a estreia da norte americana Haas F1 Team com seu Haas VF 16, sob o comando da dupla Romain Grosjean e Esteban Gutiérrez. Após 30 anos, o time marca o retorno de uma equipe dos Estados Unidos na Fórmula Um.

A Renault, que volta à categoria com equipe própria após adquirir os carros da Lotus. A marca de automóveis francesa tem uma relação com Fórmula Um por quase 40 anos. Em 1977, ele revolucionou o campeonato com a introdução dos motores turbo. São mais  de 600 grandes prêmios, com 168 vitórias, 11 títulos de pilotos e 12 de construtores.

Kimi RaikkonenNa briga pelo título as apostas indicam a mesma prevalência de 2015, quando apontava-se a dupla da Mercedes como favorita ao título, mas neste ano a Ferrari deseja surpreender e mostrou grande determinação na pré-temporada quando dominou várias sessões, o que deixa o universo dos amantes do automobilismo esperançoso por corridas com maior briga pelas vitórias.

Também espera-se que a Red Bull possa voltar a enfileirar seus carros entre os ponteiros. Depois de reclamar dos propulsores da Renault na temporada passada, Adrian Newey  (projetista)  confia na qualidade do chassi do RB12,  que ganha os motores da TAG Heuer by Renault, assim, a equipe espera melhor desempenho. A associação com a TAG Heuer é animadora, já que a TAG foi parceira da McLaren em vários anos de grandes conquistas, portanto, não entra nessa nova jornada sem bagagem dentro da Fórmula Um.

Felipe MassaPara Felipe Massa é esperar que ele recupere seu ânimo com o equilibrado Williams que tem nas mãos para voltar a subir no pódio e levar o time britânico ao posto de terceira força da F1. Felipe Nasr começa o ano sem boas expectativas, pois a falta de dinheiro atrasou a evolução do carro da Sauber, que só terá equipamento renovado após as cinco primeiras corridas do ano.

A McLaren decidiu manter os conceitos de design do seu carro de 2015 e trabalhar em sua evolução. Após uma desastrosa participação no ano passado, tanto a McLaren, quanto a Honda esperam, enfim, reviver os dias gloriosos de uma antiga parceira para poder sepultar os resultados ruins da última temporada.Fernando Alonso

A pista de Melbourne possui várias curvas de baixa velocidade, e os carros precisam de alta carga aerodinâmica. O clima é sempre imprevisível, e a chuva pode cair mesmo quando uma sessão inicia sob sol, o que acarreta maior atenção dos pilotos, já que o asfalto é razoavelmente liso.

A Pirelli, distribuidora dos pneus para a Fórmula Um, as equipes terão à disposição os compostos médio (Branco), macio (amarelo) e supermacio (vermelho), além dos usados para piso molhado e chuva intensa.

Fotos: Red Bull Racing/Scuderia Ferrari/Williams F1/Divulgação.

2007-2016 – carrosecorridas.com.br – Todos os direitos reservados – Proibida a reprodução sem autorização

Tags: