GM lança programa de compartilhamento de carros

10 de junho de 2016

08_GM_FGD_2868_10-06-16Imagine ter um carro à sua disposição para realizar tarefas do dia a dia ou mesmo para viajar com a família no fim de semana. Agora acrescente a isso pagar somente pelas horas que você utilizou o automóvel. Assim é o “Maven”, programa de compartilhamento de veículos, car-sharing, que a GM traz para o Brasil.

O “Maven” começa com um programa piloto para empregados do Complexo Industrial de São Caetano do Sul. A plataforma faz parte do movimento global da GM para o desenvolvimento de opções de mobilidade urbana e sustentáveis ao redor do mundo.

Para utilizar os carros do programa, os empregados cadastrados poderão efetuar as reservas, travar e destravar as portas do veículo através do aplicativo do “Maven”.

Nessa primeira fase, a ação permitirá o deslocamento de ponto a ponto, a retirada e a entrega serão feitas nos pontos localizados dentro do complexo. O valor a ser pago é R$ 35,00 por hora ou até R$ 210,00 para uma reserva de 24 horas, já incluído o combustível e o seguro do carro. O pagamento será efetuado através da própria folha de pagamento do empregado.02_GM_FGD_2846_10-06-16

A frota começará tendo disponível para o programa apenas o Chevrolet Cruze LTZ, com todas as unidades equipadas com o inovador sistema de telemática OnStar, que oferece ao motorista serviços de emergência, segurança, navegação, concierge e conectividade como jamais visto no mercado automotivo nacional.

Ao contrário de outras ofertas de serviços de mobilidade, o “Maven” aproveita de tecnologias de conectividade integradas e do serviço do OnStar já existente no Brasil, como ajudar no processo de recuperação em caso de roubo do veículo, notificar automaticamente a assistência em caso de acidentes por meio de uma central de atendimento e de informações 24 horas, com o acesso a consultores OnStar com o apertar de um botão no retrovisor do carro.

Texto: GM/Divulgação
Foto: GM/Divulgação

2007 – 2016 carrosecorridas.com.br – Todos os direitos reservados – Proibida a reprodução sem autorização

Tags: