Pilotos encaram pista inédita em Extrema

13 de julho de 2016

Pilotos encaram pista inédita em ExtremaÉ a hora dos pilotos aquecerem os motores para a terceira etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross PRÓ. Mais uma vez os competidores irão ao extremo com acrobacias radicais na pista em uma cidade que, de nome, tem tudo a ver com o esporte, Extrema (MG). É a primeira vez que o município entra para o calendário do Campeonato nacional.

Dias 16 e 17 de julho o público vai conhecer os melhores pilotos das categorias MX1 (motos até 450cc, pilotos de 17 a 55 anos), MX2 (motos até 250cc, pilotos de 14 a 23 anos), MX3 (motos até 450cc, pilotos homens com idade a partir de 35 anos e mulheres a partir de 17 anos) e Junior (motos até 150cc, pilotos homens de 11 a 15 anos e mulheres até 17 anos).

O maior Campeonato de Motocross da América Latina tem conquistado cada vez mais um grande público que prestigia com animação os saltos e velocidade dos melhores pilotos do Brasil. Na etapa de abertura em Limeira (SP) cerca de 35 mil pessoas prestigiaram o evento e na segunda etapa em Paty do Alferes (RJ) o número passou dos 20 mil.

Na última etapa, a disputa ficou mais acirrada com os pilotos definindo suas posições no placar geral. Na MX1, Jean Ramos passou apertado em uma das baterias da etapa em Paty, mas continua na liderança, com oito pontos de vantagem sobre o equatoriano Jetro Salazar.

Pilotos encaram pista inédita em Extrema_2Na categoria MX2, Enzo Lopes roubou os holofotes no Rio de Janeiro vencendo as duas baterias e recuperando-se no placar geral em terceiro lugar. Gustavo Pessoa ficou em segundo após a somatória das baterias, mas mesmo com este resultado segue na liderança da competição, com 89 pontos. Na vice-liderança está Fábio dos Santos, com dois pontos a menos.

Na MX3, Balbi Junior, que venceu as duas primeiras etapas, em sua estreia na categoria, segue na frente com 50 pontos, mas o piloto não deve alinhar nesta etapa, pois se recupera de um acidente. O esloveno Roman Jelen está em segundo com 44 e Willian Guimarães com 35 pontos. Na MX Junior, Léo Cassarotti continua líder também após duas vitórias consecutivas.

A pista, inédita no Campeonato, testará as habilidades dos pilotos. A construção usará parte do relevo natural do Parque de Eventos da cidade. O circuito possui 1400 metros. Uma parte do traçado que fica em uma área asfaltada foi aterrada e proporcionará a sensação de estar em um solo normal.

 
Texto: Comunic.Ativa/Divulgação
Foto: Divulgação

Copyright© 2007-2016 – carrosecorridas.com.br | Proibida a reprodução sem autorização

Tags: