Kinho avalia participação na Graduados

23 de julho de 2016

Kinho Web 04Por Robério Lessa – Da cidade do Conde (PB) – Neste sábado (13), o piloto Marcus Vinícius Kinho (Trato Incorporações/Techspeed) alinhou seu kart número quatro no grid para a final da categoria Graduados do  51º  Campeonato Brasileiro de Kart, sabendo o quão seria difícil chegar na posta na categoria mais disputada da competição.

Partindo do 12º posto, o cearense já ocupava a oitava colocação antes mesmo de completar a primeira volta. Depois passou para a sétima e a sexta posições. Tudo transcorria bem na pistas do Kartódromo Paladino, localizado na cidade do Conde, na Paraíba, palco das disputas da competição nacional quando seu kart começou a falhar e ele resistia bravamente ao assédio dos demais competidores.

Kinho 000Todo o esforço do tetracampeão brasileiro foi em vão e o seu kart foi parando devagar deixando-o à pé faltando 12 voltas para a conclusão da corrida decisiva, que fora vencida por Olin Galli.

Kinho foi rápido e consistente durante toda a segunda fase após ele ter conquistado o título na F4, na semana passada, durante a primeira fase do Campeonato Brasileiro (Clique aqui para ler a matéria dessa conquista) e mostrou constância e rapidez ocupando as primeiras posições em algumas sessões.

O desempenho do cearense chamou a atenção do público antes da falha em seu equipamento, desapontando os que torciam para o piloto.

Kinho 00Enquanto esteve na pista, Kinho marcou sua melhor volta em 51,893s tempo próximo da melhor volta registrada pelo campeão Olin Galli que conseguiu a marca de 51,484s. O equilíbrio na Graduados é tamanho que a melhor volta da prova foi de 51.164s marcada por Pedro Goulart.

“Eu lamento a falha do equipamento, mas não pude fazer nada. São coisas de corrida. Fico desapontado porque estava em uma boa tocada, veja que o Pedro Goulart saiu de 15º para o segundo lugar, e eu estava à sua frente e andando bem até que o kart começou a falhar e parou de vez. Agora volto pra casa ainda para comemorar o tetracampeonato conquistado no sábado passado. Minha missão aqui foi cumprida da melhor forma. Quero agradecer ao meu pai, minha mãe, meu irmão e toda minha família pelo apoio, à minha namorada, ao pessoal da Techspeed, ao Ju, ao Guilherme, aos meus patrocinadores e todos que passaram essas duas semanas mandando boas vibrações e torcendo por mim. Vamos em frente, de cabeça erguida para o próximo desafio”, comentou Kinho.

Graduados
1 OLIN GALLI (RJ),
2 PEDRO GOULART (RS), a 0.220
3 SERGIO CRISPIM FILHO (PB), a 0.463
4 BRUNO BERTONCELLO (RS), a 4.899
5 MURILO DELLA COLETTA (SP), a 6.827
6 VINICIUS PAPARELI (SP), a 7.614
7 ANDRE NICASTRO (RJ), a 8.460
8 LUCAS OKADA (DF), a 12.458
9 LUIZ FILIPE MATHEUS (SP), a 18.064
10 ALEXANDRE AZEVEDO (RJ), a 19.482
11 DUDA NAVES (SP), a 31.620
12 GABRIEL PATURLE (MG), a 9 voltas
13 MARCUS BORGES (CE), a 12 voltas
14 GAETANO DI MAURO (SP), a 13 voltas
15 MATEUS BARELLA (PR), a 13 voltas
16 ALAIN SISDELI (SP), a 15 voltas
Melhor volta: PEDRO GOULART (119) , 51.164, 13ª volta
Telha Sul
Texto e Foto: Robério Lessa

Copyright© 2007-2016 – carrosecorridas.com.br | Proibida a reprodução sem autorização

Tags: