Autódromo de Interlagos recebe última etapa do Campeonato Paulista de SuperBike

17 de agosto de 2016

Campeão da SuperSport Pro Amador_compressedResta apenas uma rodada para o encerramento do Campeonato Paulista do SuperBike Brasil e mais da metade das categorias disputadas já conhece seus respectivos campeões. Ao todo, são nove vencedores que podem comemorar o título da temporada 2016 de forma antecipada. A competição começou no início do ano e agregou as duas etapas da Copa Pirelli e mais as cinco do calendário do SuperBike Brasil, todas disputadas no Autódromo de Interlagos. A quinta e última etapa ocorre no dia 21 de agosto.

Por uma das categorias principais – a SuperBike Light – Rodrigo Calmon Dazzi, da equipe Giro Moto, foi implacável e fez uma campanha excelente ao longo do campeonato. O piloto capixaba, estreante nesta temporada, acelerou forte sua moto de 1.000 cm³ de cilindrada e alcançou o pódio em todas as provas que participou. Ao todo, foram três vitórias e dois segundos lugares que garantiram o título paulista antecipadamente. Dazzi fechou 116 pontos e abriu uma grande vantagem de 58 pontos para o então vice-líder, Marcos Migliorelli, da Everson Racing.

A SuperBike Light Master – com pilotos acima de 45 anos – também conhece o seu campeão. Marcos Senra, da equipe Moretti Racing Team, fez um início de campeonato muito forte com quatro vitórias consecutivas, alcançando ainda três poles, que lhe anteciparam o título da categoria.

Já entre as motos de 600 cm³ de cilindrada, o vencedor do Campeonato Paulista foi Diego Viveiros, da equipe Tecfil Racing Team. O piloto, que migrou da Copa Kawasaki Ninja 600 para a SuperSport Pro Amador, aproveitou o embalo das duas primeiras rodadas da Copa Pirelli para construir sua vantagem na ponta. Viveiros está com 104 pontos no campeonato, 43 à frente do segundo colocado.

Outro campão antecipado é Arthur Costa, da equipe Alemão Pneus. O jovem piloto paulistano garantiu o pódio em todas as seis etapas da Copa Honda CBR 500R, somando uma vitória e três segundos lugares. Com um desempenho constante na primeira metade do calendário, Arthur assegurou o título da temporada 2016 com 114 pontos.

Campeão da SuperBike Light Master_compressedEntre as verdinhas de 300 cm³ de cilindrada, tudo definido também. Sandro Paganelli, da equipe Paganelli Racing, faturou o título na Copa Kawasaki Ninja 300 e Bruno Ribeiro, da Rota Baús, na Ninja 300 Light. O número de vitórias fez a diferença para Paganelli. Com a mudança do regulamento nesta temporada, o primeiro lugar passou a ser mais valorizado, ampliando assim a diferença em número de pontos para as demais posições. E o piloto da Paganelli Racing acabou somando quatro vitórias em seis corridas. Já Bruno Ribeiro aproveitou o fato de seu principal adversário – Jeferson Souza, da Tecfil Racing Team – não ter participado da Copa Pirelli e abriu a vantagem que lhe garantiu o título antecipado.

Mais três pilotos podem comemorar a vontade a vitória na temporada 2016: Rafael Rigueiro, da equipe MotoSchool Racing Team, já sustenta o título da categoria Copa Honda CBR 500R Light, assim como Valter Rubino, da Misano Racing Team, na Copa Kawasaki Ninja 600 Master e Luciano Pokemon, da Pkm Racing, na SuperBike Pro Estreante.

A próxima rodada do SuperBike Brasil, que será realizada no dia 21 de agosto, promete novas e intensas disputas. A etapa irá definir os outros nove campões do Campeonato Paulista e será vital para que os pilotos que ambicionam o título nacional.

Texto: VGCOM/Divulgação
Foto: Paulo Henrique Cruz (VGCOM)Divulgação

Copyright© 2007-2016 – carrosecorridas.com.br | Proibida a reprodução sem autorização

Tags: