Vivacqua parte para segunda etapa em Spa-Francorchamps

22 de maio de 2017

No último fim de semana de maio, a Euroformula Open desembarca na Bélgica, em um dos circuitos mais tradicionais e emblemáticos do esporte a motor: Spa-Francorchamps. Entre os dias 26 e 28, o piloto Thiago Vivacqua vai em busca de sua primeira vitória em uma das categorias de F-3 mais disputadas do Velho Continente. Ocupando a sexta colocação no ranking dos pilotos, o brasileiro quer melhorar sua posição com bons resultados na etapa belga, depois de já ter ido ao pódio na estreia no mês passado. O formato de disputa seguirá o mesmo da primeira etapa, em Portugal: três sessões de treinos livres na sexta-feira (26), classificação e corrida 1 na manhã de sábado (27) e nova classificação e a corrida 2 na manhã de domingo (28).

Sendo a pista mais extensa do calendário, Spa requer uma atenção especial. Com voltas longas, de 7 km cada uma, exige um nível de pilotagem que não permite erros. “Spa é um circuito completamente diferente. É muito comprido, são 7 km em cada volta, então você não pode errar muito. Qualquer bobeada, em qualquer setor, você acaba tomando segundos numa única volta. Isso faz muita diferença, você tem que estar muito concentrado o tempo todo para não errar”, analisa o piloto de 20 anos, que comanda o carro #2 da equipe espanhola Campos Racing, campeã da temporada passada da Euroformula Open.

Correndo em Spa por outras categorias, Vivacqua tem boas lembranças no circuito histórico. O piloto esteve na Bélgica e conquistou uma pole e dois segundos lugares, correndo na Formula Renault Alps. “É uma pista histórica, tem curvas famosas. Tem a Eau Rouge, tem a Pouhon, que é uma esquerda de alta. Todo mundo quer andar bem”, comentou Thiago, que retorna ao automobilismo europeu depois de ser um dos destaques da Fórmula Renault Alps, em 2015, e da Fórmula 3 Brasil na temporada 2016.

“Eu andei bem quando estive lá. Fiz a pole correndo na Alps, fiquei duas vezes em segundo lugar. É uma pista que eu tenho andado bem. Acredito que vou me sair bem, só preciso pegar a mão do carro da Euroformula lá, acostumar com downforce e essas coisas. Mas isso na primeira saída para a pista a gente já acerta”, completou.

Na primeira etapa da Euroformula Open, disputada no circuito do Estoril, Vivacqua conquistou um terceiro lugar na corrida 2 e perdeu a chance de disputar a primeira corrida, quando teve problemas na bomba de combustível, ao brigar pela terceira posição logo na segunda volta da prova.

As corridas da Euroformula Open têm duração de 13 voltas ou 35 minutos, com transmissão ao vivo para o mundo inteiro por streaming no canal oficial da categoria no YouTube (https://www.youtube.com/user/EuroFormulaOpen).

Programação da segunda etapa da Euroformula Open, em Spa-Francorchamps (BEL) – Horário de Brasília:

Sexta-feira, dia 26
5h44 – Treino livre 1 (30 minutos)
9h12 – Treino livre 2 (30 minutos)
11h36 – Treino livre 3 (30 minutos)

Sábado, dia 27
5h57 – Classificação para a Corrida 1
10h40 – Corrida 1 (13 voltas ou 35 minutos) – Ao vivo pelo YouTube

Domingo, dia 28
4h – Classificação para a Corrida 2
8h10 – Corrida 2 (13 voltas ou 35 minutos) – Ao vivo pelo YouTube

Texto: FGCom
Foto: Fotospeedy – Divulgação

Copyright© 2007-2017 – carrosecorridas.com.br | Proibida a reprodução sem autorização

Tags: