Augusto Farfus animado para etapa do DTM em Zandvoort

18 de agosto de 2017

Assim como na Fórmula Um, o DTM também teve um intervalo de quase um mês para as férias do verão europeu, e retoma suas atividades neste fim de semana  com a realização da sexta etapa do campeonato – que marca o início da parte final da temporada. O palco da disputa é o circuito de Zandvoort, no litoral holandês, justamente a pista preferida do brasileiro Augusto Farfus no calendário – onde o piloto da BMW tem uma vitória (em 2013), além de uma pole position e um pódio (2015).

Após passar alguns dias com a família no Brasil, Farfus volta com ânimos renovados para as quatro últimas rodadas duplas do campeonato, almejando uma escalada na classificação. Zandvoort será a terceira de quatro provas fora da Alemanha que o DTM realiza. Na sequência, a categoria ainda visita o circuito de Nürburgring, viaja para Áustria – onde corre em Spielberg -, e tem seu encerramento tradicionalmente em Hockenheim.

O traçado de 4.307 metros de extensão é uma pista desafiadora, que mescla trechos de alta velocidade, com outros mais travados, áreas de escape e brita próximas da pista, além da questão da areia no circuito – pela proximidade com a praia -, que acaba influenciando nas condições da pista. Neste ano, os pilotos ainda vão encarar uma novidade, já que o traçado foi completamente reasfaltado, o que deve deixar a volta até dois segundos mais rápida que nos anos anteriores.

Além do bom histórico pessoal de Augusto na pista holandesa, a BMW também obteve sucesso lá nas últimas temporadas, especialmente em 2015, quando teve um fim de semana memorável, ao dominar as sete primeiras posições na corrida 1, e também ocupar todo o top-5 na segunda corrida. Assim, a expectativa é de bons resultados na etapa.

As atividades de pista em Zandvoort começam nesta sexta-feira, com o 1º treino livre. No sábado e domingo, a programação é igual, com um treino livre, a classificação e uma corrida.

“Zandvoort é a minha pista favorita do calendário, onde já venci no DTM e tenho grandes lembranças. Esse ano vai ter um desafio novo para todos, já que o traçado foi completamente reasfaltado, então estamos esperando a pista cerca de 2 segundos mais rápida que no ano passado. Além disso, a previsão é de chuva na sexta e sábado e de um domingo no seco, então teremos muitas variáveis, muita coisa pode acontecer, e espero que consigamos sair daqui com um bom resultado para o campeonato”, disse o brasileiro.

Os fãs brasileiros podem acompanhar as corridas ao vivo pelo YouTube no sábado a partir das 9h45, e domingo às 10h15. Para acessar, basta entrar no site www.farfus.com e clicar em Live Races. O canal Bandsports transmite as provas em VT, a partir das 11h no sábado e das 14h no domingo.

Texto e Fotos: Divulgação.

Copyright© 2007-2017 – carrosecorridas.com.br | Proibida a reprodução sem autorização

Tags: