José Duarte domina terceira etapa da Copa Sol de Motovelocidade

18 de setembro de 2017

Neste domingo (17), o público que foi ao Autódromo Virgílio Távora, localizado na cidade do Eusébio (CE), acompanhar a terceira etapa da Copa Sol de Motovelocidade prova válida pelo Campeonato Nordestino de Motovelocidade, foi presenteado com uma exibição impecável do cearense José Duarte (Capacetes Shark, Prefeitura Municipal de Maranguape, Vestin, Macacões One-X).

O Campeão Nordestino de 2016 nas 600 cilindradas, Duarte mostrou porque é apontado como um dos melhores pilotos de sua categoria em nível nacional (ele disputa o SuperBike Brasil, a maior competição de motovelocidade da América).
Desde a classificação, o competidor da moto número 97 mostrou que estava em um dia inspirado. Bastaram três voltas no circuito cearense para que ele marcasse o tempo de 1min19,001s, estabelecendo o novo recorde da competição entre as motos de 600 e 1000 cilindradas.

A evolução do jovem piloto é ratificada pelas marcas que estabeleceu. Na primeira etapa do ano sua melhor marca nos 3.0000 metros foi de 1min20,582s, e neste domingo, com o tempo de 1min19,001s, ele superou seu próprio recorde que era de 1min19,063s, marcado na quarta etapa da Copa Sol em 2016.

Para alcançar a marca, Duarte teve total apoio da sua equipe e, sobretudo de seu pai Wagner Duarte, que também é piloto, coordenando e supervisionando todo o trabalho nos boxes. O resultado de tanta dedicação dos mecânicos e preparadores foi o de uma moto bem acertada para que o competidor só se preocupasse em acelerar forte, e foi o que fez.

Na corrida, largando da pole, manteve a ponta e cravou a melhor volta da corrida que reúne as motos de 1000 e 600 cilindradas em 1min19,817s, completando as 16 voltas com uma diferença confortável em relação ao segundo colocado, Ícaro Carneiro, que estabeleceu a melhor marca em 1min21,583s. O terceiro colocado foi Edmilson Junior.

Após ter sido recebido com festa pelos familiares, amigos e uma animada torcida, Duarte reconheceu o trabalho da equipe e agradeceu o apoio recebido.

“Hoje foi um dia daqueles que comprova que o trabalho de equipe é a coisa mais importante que há. A moto estava boa, demorei um pouquinho para acertar a suspensão, mas para a corrida ficou bom. Larguei mal, mas consegui ficar na frente, tive um bom começo e vi que a diferença estava grande, aí foi só administrar até o final. Quero agradecer a todos na equipe pela dedicação nesses dois dias para deixar a moto competitiva. Quero agradecer o empenho do meu pai, a atenção da minha mãe e dessa aqui que me surpreendeu. É bom receber esse carinho todo. Não posso também deixar de agradecer a Deus por tudo isso”, afirmou.

O cearense viaja nesta quarta (20) para Curitiba, no Paraná, onde vai disputar a sexta etapa do SuperBike Brasil, no próximo domingo (24).

Confira os cinco mais bem colocados na terceira etapa da Copa Sol, na categoria 600 e 1000 cilindradas:

1) José Duarte
2) Icaro Carneiro
3) Edmilson Junior
4) Marcio Florenzano
5) Eduardo Formiga

O piloto José Duarte tem o apoio de Capacetes Shark, Prefeitura Municipal de Maranguape, Vestin, Macacões One-X. 

Texto e Fotos: Robério Lessa

Copyright© 2007-2017 – carrosecorridas.com.br | Proibida a reprodução sem autorização

Tags: