Matheus Leist destaca equilíbrio da Indy

28 de março de 2018

Ao estrear com o melhor tempo logo em sua primeira sessão de treinos na Indy e com o terceiro tempo no grid de largada de sua corrida de estreia, o jovem gaúcho Matheus Leist chamou a atenção dos fãs do esporte. Mas o forte equilíbrio e a alta competitividade da categoria fazem com que o mais jovem piloto do grid permaneça com o foco no aprendizado em seu ano de estreia com a AJ Foyt, ainda mais tendo a oportunidade de ter como companheiro de equipe o experiente Tony Kanaan.

“Tivemos um grande final de semana em São Petersburgo, com o bom rendimento nos treinos e na classificação. Não fosse o problema no carro, a gente teria potencial para terminar no pódio, mas sabemos que, nas próximas etapas, teremos que trabalhar bastante para ficar novamente entre os primeiros, porque a Indy é muito competitiva e o equilíbrio entre as equipes é muito grande”, explica Leist, campeão da F-3 Inglesa em 2016 e vencedor de três provas na Indy Lights no ano passado, incluindo a preliminar da Indy-500 logo em sua estreia em ovais, em Indianápolis.

E foi justamente no templo do automobilismo onde Leist esteve na última semana testando o carro da AJ Foyt no circuito misto – o teste no oval, que seria nesta semana, foi cancelado por conta da previsão de fortes chuvas e neve no circuito localizado no estado de Indiana, nos EUA.

“Conseguimos aprender bastante sobre o nosso carro em circuito misto, tanto no treino no traçado de Indy GP, onde correremos em maio, quanto no de Barber, onde faremos a etapa no próximo mês. Nossa competitividade foi menor em relação a St Pete, por exemplo, mas isso não significa que não vamos andar bem neste tipo de pista. O carro é novo, houve muitas mudanças na equipe e com isso temos potencial de melhora em vários circuitos, como foi o caso da abertura do campeonato e em Phoenix, onde na pré-temporada conseguimos um grande avanço segundo a própria equipe”, diz Leist.

Neste mês, o jovem piloto gaúcho foi anunciado como um dos integrantes do novo time Cimed Racing, que inclui 15 pilotos em seis categorias (Indy, Nascar, Stock Car, Stock Light, F-4 e kart) em uma iniciativa lançada pela empresa farmacêutica para apoiar o esporte a motor e se firmar como maior investidora do automobilismo brasileiro.

A segunda etapa da Indy será no dia 7 de abril no oval de Phoenix (Arizona).

Texto: RF1
Foto: Indycar – Divulgação

Copyright© 2007-2018 – carrosecorridas.com.br | Proibida a reprodução sem autorização

Tags: