Drugovich conquista sétima vitória de 2018

9 de julho de 2018

A primeira metade da temporada do Euroformula F3 Open terminou com vitória brasileira. Felipe Drugovich, segundo no grid, ultrapassou o pole position holandês Bent Viscaal poucos metros após a largada e liderou as 17 voltas da corrida que complementou neste domingo (8) a quarta etapa do campeonato, no circuito húngaro de Hungaroring. Viscaal e o argentino Marcos Siebert foram segundo e terceiro, repetindo o pódio da corrida de sábado (7).

No treino classificatório disputado pela manhã, Drugovich ficou a 0s123 de Viscaal. “Fizemos uma boa tomada de tempos, mas não consegui encaixar todos os melhores setores na mesma volta. Às vezes acontece”, comentou o brasileiro da RP Motorsport. “Ultrapassar aqui é muito difícil e eu estava muito focado em fazer uma boa largada. Sabia o que tinha de fazer, consegui antes da primeira curva. Tudo aconteceu como planejamos”, resumiu.

Sempre pressionado por Viscaal, Drugovich conseguiu imprimir um ritmo forte no início da disputa. Até a sexta volta, estabeleceu quatro vezes a volta mais rápida da corrida – que viria a consolidar na 13ª, superando por 13 milésimos de segundo o tempo do adversário holandês, assegurando mais um ponto de bonificação na classificação do campeonato. Na metade da prova, a vantagem do brasileiro na liderança já era superior a dois segundos.

“Era importante conservar os pneus para as voltas finais, e meus pneus chegaram muito bons ao fim da corrida. Tivemos um bom ritmo, mais uma vez o carro realmente bom, só tenho a agradecer à RP Motorsport”, declarou o líder do Euroformula F3 Open. Ele chegou aos 204 pontos e abriu 93 de dianteira sobre Viscaal, que com os segundos lugares conquistados nas duas corridas da etapa da Hungria assumiu a vice-liderança do campeonato.

Encerrada a primeira metade da temporada do Euroformula F3 Open, o calendário abre um intervalo de sete semanas sem corridas. A quinta etapa, no circuito inglês de Silverstone, terá suas provas nos dias 1º e 2 de setembro. As provas seguintes ocorrerão em Monza, na Itália, nos dias 22 e 23 de setembro. As duas etapas finais acontecerão na Espanha: em Jerez de La Frontera, em 6 e 7 de outubro, e em Barcelona, nos dias 20 e 21 de outubro.

EUROFORMULA F3 OPEN – CORRIDA 2
(Resultado final em Budapeste após 17 voltas)
1º) Felipe Drugovich (BRA/RP Motorsport), 27min53s972
2º) Bent Viscaal (HOL/Teo Martin Motorsport), a 5s253
3º) Marcos Siebert (ARG/Campos Racing), a 12s221
4º) Cameron Das (EUA/Carlin Motosport), a 14s268
5º) Matheus Iorio (BRA/Carlin Motorsport), a 20s721
6º) Alex Karkosik (POL/Campos Racing), a 22s665
7º) Christian Hahn (BRA/Drivex School), a 23s311
8º) Lukas Dunner (AUT/Drivex School), a 29s441
9º) Leonard Hoogenboom (HOL/RP Motorsport), a 32s426
10º) Guilherme Samaia (BRA/RP Motorsport), a 38s505
11º) Calan Williams (AUS/Fortec Motorsport), 39s348
12º) Yves Baltas (EUA/Campos Racing), a 39s440
13º) Aldo Festante (ITA/Fortec Motorsport), a 46s373
Melhor volta: Drugovich, na 13ª, 1min37s765, média de 161,321 km/h

Após oito corridas, a classificação do Euroformula F3 Open é: 
1º) Felipe Drugovich, 204 pontos
2º) Bent Viscaal, 111
3º) Matheus Iorio, 105
4º) Marcos Siebert, 93
5º) Cameron Das, 79
6º) Guilherme Samaia, 54
7º) Alex Karkosik, 44
8º) Lukas Dunner, 33
9º) Jannes Fittje, 22
10º) Christian Hahn, 17
11º) Aldo Festante, 14
12º) Calan Williams, 12
13º) Petru Florescu, 11
14º) Michael Benyahia e Leonard Hoogenboom, 9
16º) Yves Baltas, 6

Texto: Grelak Comunicação
Foto: Euroformula F3 Open – Divulgação

Copyright© 2007-2018 – carrosecorridas.com.br | Proibida a reprodução sem autorização

Tags: