Pilotos podem enfrentar chuva e frio em Interlagos

20 de agosto de 2020

A onda de frio que deve atingir o centro-sul do Brasil nos próximos dias trará efeitos práticos para o final de semana da segunda e terceira etapas da Stock Car no final de semana, o que inclui a Corrida do Milhão. A principal categoria do automobilismo brasileiro corre no autódromo de Interlagos, na Zona Sul de São Paulo, onde as temperaturas na sexta-feira (21) e sábado (22) devem variar entre 9 e 12 graus de acordo com as previsões meteorológicas, que indicam ainda a presença da chuva nestes dois dias.

Isso significa que a programação dos dois primeiros dias deverá proporcionar às equipes a estreia do novo Pirelli Cinturato para pista molhada. A fornecedora de pneus da Stock Car trouxe jogos com novas medidas, agora iguais às dos pneus de pista seca e maiores que as usadas anteriormente (305/660-18 contra a 285/645-18 de 2019). Além disso, treinos livres de sexta, além da classificação e a corrida da segunda etapa, programadas para o sábado, poderão acontecer com pista molhada – classificação e prova terão transmissão ao vivo pelo canal SporTV2).

Já no domingo (23), quando acontece a partir das 10 horas da Corrida do Milhão Solidário (com transmissão ao vivo pela TV Globo), a prova deve transcorrer sem chuva e com pista seca, mas também com temperaturas baixas, entre 11 e 15 graus. Para a equipe Hot Car e o piloto Tuca Antoniazi, é uma boa receita.

“Como não andamos com esse carro novo na chuva, ainda é uma incógnita. Mas estamos nos preparando bastante e trabalhando para que o piloto se sinta o melhor possível no cockpit, trabalhando para que não haja embaçamento de para-brisas, por exemplo. Nosso carro se comportou muito bem na primeira etapa em Goiânia, foi muito consistente. O Tuca está evoluindo muito bem, então o objetivo é ir melhorando nosso desempenho aos poucos”, afirmou Amadeu Rodrigues, chefe da Hot Car Competições.

O domingo da Corrida do Milhão Solidário terá a classificação para definição do grid ainda na parte da manhã, às 8h15. E como foi no ano passado, a escolha da quantidade de combustível no tanque para a classificação terá papel fundamental na estratégia da prova. “O que vai definir a corrida, no meu ver, será a quantidade de combustível usada na classificação. Os carros terão capacidade de 77 litros e na classificação para a Corrida do Milhão o piloto escolhe a quantidade e larga com o que sobrar no tanque. Então precisa fazer bastante conta para delinear a estratégia, e isso vai trazer muita variação entre os pilotos”, disse.

Tuca Antoniazi tem a pista paulistana bem fresca na memória e espera um fim de semana consistente – ao contrário da previsão do tempo. “Há duas semanas corri em Interlagos no Endurance e isso sem dúvida ajuda bastante. A expectativa é boa, e com chuva, apesar do cuidado triplicado, as chances de colher bons pontos aumenta bastante. Espero um final de semana positivo fazendo duas boas corridas”, afirmou o gaúcho de 49 anos.

PROGRAMAÇÃO:
Sexta-feira, 21 de agosto
9h00 às 9h15: shakedown Stock Car
10h00 às 11h10: treino livre 1 Stock Car
14h00 às 15h10: treino livre 2 Stock Car
Sábado, 22 de agosto
9h00 às 9h32: classificação Stock Car (Transmissão SporTV2)
11h00 às 11h40: corrida 2ª etapa Stock Car (Transmissão SporTV2)
Domingo, 23 de agosto
8h15 às 8h47: classificação Stock Car (Transmissão SporTV2)
10h13 às 10h43: Corrida do Milhão Stock Car, 3ª etapa (Transmissão TV Globo)

Texto: Cleber Benucci/Divulgação

Foto: Vanderley Soares/Divulgação

Copyright© 2007-2020 – carrosecorridas.com.br | Proibida a reprodução sem autorização

Tags: