Miguel Paludo confirma título da Porsche Carrera Cup

15 de novembro de 2020

A última rodada tripla do campeonato de Sprint de 2020 teve todos os ingredientes que fazem da Porsche Cup o principal evento de Gran Turismo latino-americano: disputas da largada à bandeirada em todos os pelotões, posições nos campeonatos decididas nos critérios de desempate e muita adrenalina em Interlagos.

A pista tem um novo rei. O agora hexacampeão Miguel Paludo fechou a programação do sábado vencendo de ponta a ponta a corrida da Carrera Cup. O primeiro contato com um carro emprestado na hora de alinhar para o grid não foi problema para o gaúcho, que triunfou em São Paulo pela quinta vez no ano. Ele agora chegou a 17 vitórias em Interlagos e se isolou como o maior vencedor da categoria nesta pista.

O campeão da GT3 Cup, Nelson Marcondes, também tem recordes para festejar. Ele é o primeiro piloto na história de 15 anos da categoria a unificar os títulos geral e da classe Sport no campeonato de Sprint. Sua conquista veio com drama, depois de um acidente na largada pela manhã e uma prova de recuperação saindo de 21º e último para sétimo na bandeirada.

Assim como Paludo, Rodrigo Mello festejou seu título com vitória. O piloto do carro #29 foi segundo na classe Carrera Cup Sport pela manhã e venceu à tarde, coroando uma temporada muito sólida com mais um campeonato na Porsche Cup –foi seu segundo título consecutivo na divisão, outro feito inédito nos 15 anos de história da categoria.

Na Carrera Cup as duas provas foram vencidas de ponta a ponta. Em grande fase com vitória na terceira corrida de Sprint em Goiânia e na prova de Endurance na semana seguinte, Pedro Aguiar converteu pole em vitória pela manhã. Sua arrancada final rendeu um honroso top5 no campeonato, com 153 pontos.

Outro destaque no sprint final do campeonato foi Enzo Elias: vencedor na corrida 1, quarto na corrida 2 e segundo na corrida 3. O campeão da classe GT3 Cup em 2019 fechou sua primeira temporada com os carros mais potentes do grid como vice-campeão –à frente de pilotos tarimbados e donos de títulos como Marçal Müller e Lico Kaesemodel.

Na GT3 Cup um dos destaques na reta final do campeonato foi Cristian Mohr. Ele havia registrado sua primeira pole em Goiânia na etapa passada. Agora saiu de Interlagos com vitórias na corrida 1 e na corrida 2.

A corrida 3 foi conquistada por Marcio Mauro, o maior pontuador do dia (foi P2 pela manhã). Com os pontos obtidos em Interlagos, ele finalizou a temporada em quarto no campeonato, apenas um ponto à frente de Zeca Feffer. O vice-campeão foi Urubatan Junior, que passou Nelson Monteiro na pontuação em São Paulo.

A disputa da classe GT3 Cup Sport já vinha definida em favor de Marcondes. Mas não faltou emoção na briga pelo segundo lugar. Eduardo Menossi e Paulo Totaro finalizaram o campeonato com 78 pontos e o primeiro ficou à frente graças ao segundo critério de desempate (4 segundos lugares, contra 3 de Totaro). Leo Sanchez venceu a categoria de manhã e foi segundo atrás de Ayman Darwich à tarde, finalizando o campeonato em quarto, apenas três pontos atrás de Totaro e Menossi.

A temporada 2020 terá seu capítulo final em três semanas, com a corrida de 500 km que determinará os campeões do Porsche Cup Endurance Series e dos títulos overall, mais uma vez em Interlagos.

“Eu estou muito orgulhoso. Se no começo do ano alguém me contasse que no fim do ano eu levaria os dois títulos, teria tantas vitórias na Sport, duas na principal, subir ao pódio em quase todas, diria que seria impossível. Mas tive muita gente que me ajudou. O Douglas, engenheiro que está desde o ano passado comigo, foi primordial para esse crescimento desde o aprendizado de 2019. Foi muito difícil. Tive um problema de manhã, era para ter sido mais fácil, não porque foi fácil, mas pelo tanto que trabalhei o ano todo para chegar de uma forma mais confortável. Mas não poderia ter sido diferente, foi com emoção. Larguei em 21º e cheguei em sétimo, foram 14 ultrapassagens. Mesmo não chegando entre os cinco primeiros na geral, foi uma atuação para coroar pelo menos para mim, pessoalmente. Foi uma atuação que me deixou muito orgulhoso, da corrida de hoje, e do ano todo, que foi muito constante”, disse Miguel Paludo.

Os Campeonatos

Carrera Cup
1. Miguel Paludo 198
2. Enzo Elias 166
3. Marçal Muller 161
4. Lico Kaesemodel 158
5. Pedro Aguiar 153
6. Werner Neugebauer 143
7. Pedro Boesel 143
8. Alceu Feldmann 134
9. Christian Hahn 93
10. JP Mauro 90
11. Luca Seripieri 66
12. Rodrigo Mello 63
13. Ricardo Baptista 57
14. Maurizio Billi 57
15. Rouman Ziemkiewicz 48
16. Rodolfo Toni 44
17. Renan Pizii 37
18. Fran Lara 20
19. Eduardo Azevedo 16
20. Vina Neves 7

Carrera Cup Sport
1. Rodrigo Mello 96
2. Maurizio Billi 85
3. Rouman Ziemkiewicz 82
4. Rodolfo Toni 74
5. Renan Pizii 63
6. Fran Lara 39
7. Eduardo Azevedo 26
8. Vina Neves 15

GT3 Cup
1. Nelson Marcondes 181
2. Urubatan Jr. 159
3. Nelson Monteiro 148
4. Marcio Mauro 135
5. Zeca Feffer 134
6. Lucas Salles 128
7. Marco Billi 124
8. Leonardo Sanchez 100
9. Francisco Horta 97
10. Paulo Totaro 89
11. Cristian Mohr 89
12. Eduardo Menossi 88
13. Cesar Urnhani 83
14. Ayman Darwich 79
15. Ramon Alcaraz 53
16. André Gaidzinski 45
17. Danilo Menossi 45
18. Georgios Frangulis 40
19. Ricardo Fontanari 15
20. SangHo Kim 14
21. Bruno Campos 11
22. Guilherme Reischl 6
23. Tom Valle 0

GT3 Cup Sport
1. Nelson Marcondes 111
2. Eduardo Menossi 78
3. Paulo Totaro 78
4. Leonardo Sanchez 75
5. Ayman Darwich 68
6. André Gaidzinski 47
7. Danilo Menossi 44
8. Georgios Frangulis 36
9. Ricardo Fontanari 20
10. Bruno Campos 16
11. SangHo Kim 15

 

Texto: Luis Ferrari/Divulgação

Fotos: Luca Bassani/Divulgação

Copyright© 2007-2020 – carrosecorridas.com.br | Proibida a reprodução sem autorização

Tags: