Victor Corrêa/Maicol Souza estão com as mãos na taça do título do Brasileiro de Rally

30 de novembro de 2020

Correndo com o regulamento como se fosse a planilha de navegação, e fazendo o que era necessário para assumir a liderança do Campeonato Brasileiro de Rally de Velocidade, a dupla Victor Corrêa/Maicol Souza (Unifenas) está muito próxima de repetir a conquista de 2018 sagrando-se campeões da categoria Rally 5. No último fim de semana (28 e 29/11) eles terminaram em segundo no tradicional Rally da Graciosa, na região metropolitana de Curitiba (PR) e dificilmente serão superados.

“Esse final de semana foi muito importante, o primeiro em que não tivemos problemas, possibilitando os dois bons resultados que nos deixaram com a mão de cada um da dupla na taça. Estamos com uma expressiva vantagem”, comentou o piloto mineiro Victor Corrêa, depois da segunda colocação na sexta e sétima etapas do certame nacional.

O Rally da Graciosa é o único evento da modalidade no Brasil realizado 100% em pisos pavimentados por asfalto e paralelepípedo, passando pela histórica e desafiadora Serra da Graciosa. Foram 313,09 km percorridos nos dois dias, sendo 138,44 km em oito Especiais cronometradas.

“Essa foi uma prova que fizemos pensando no campeonato, o nosso objetivo era sair líder aqui do Paraná. Desde o começo fomos muito conservadores, pois no início do rali tinha muitas lombadas altas e preferimos não as atacar para evitar uma eventual quebra de suspensão. Quando foi necessário aceleramos e nossa meta era chegar na frente de nossos principais concorrentes na luta pelo título, e ainda vencemos o Power Stage. Administramos a prova e conquistamos com segurança o nosso objetivo para esta etapa”, completou o navegador catarinense Maicol Souza.

O encerramento do campeonato está previsto (a confirmar) para o Rally das Termas de Marcelino, no Rio Grande do Sul, no dia 13 de dezembro.

Sexta etapa do Brasileiro de Rally de Velocidade (R5): 1) Evandro Carbonera/João Remor; 2) Victor Corrêa/Mailcol Souza; 3) Tiago Klimaczewski/Felipe Klimaczewski.

Sétima etapa do Brasileiro de Rally de Velocidade (R5): 1) Evandro Carbonera/João Remor; 2) Victor Corrêa/Mailcol Souza; 3) Rodrigo Jesus/Guilherme Olandoski.

Os primeiros da categoria Rally 5 (1.6 litros, tração 4×2).no Brasileiro de Rali de Velocidade depois de sete etapas são: 1) Victor Corrêa/Maicol Souza, 40 pontos; 2) Evandro Carbonera/Juliano Gracioli, 30; 3) Tiago Klimaczewski/Felipe Klimaczewski, 25; 4) Perci Hultmann/Juliano Zerbinato, 24; 5) Luiz Poli/Luiz Eckel, 19; 6) Elton Palkewich/Cássio Navarini, 16; 7) Júlio Cartaxo/Lucas Neumann, 15; 8) André Krueger/Lucivane Balena, 14; 9) Rodrigo de Jesus/Henrique Savi, 13, 10) Cláudo Sarginieski/Mateus Perin, 5 pontos.88

 

Texto: José Alberto Otazú/Divulgação

Fotos: Edson Castro/Divulgação

Copyright© 2007-2020 – carrosecorridas.com.br | Proibida a reprodução sem autorização

Tags: