Max Verstappen vence em Ímola e Hamilton lidera campeonato

18 de abril de 2021

Por Robério Lessa – A vitória do Grande Prêmio da Emilia-Romagna, disputado na tarde deste domingo (18), no Autódromo Enzo e Dino Ferrari – Ímola, na Itália, ficou com Max Vertappen, da Red Bull. Esta foi a 11ª vitória de Verstappen na Fórmula 1.

Max buscou sua vitória desde o início da prova, quando forçou para cima do pole position, o inglês Lewis Hamilton, chegando a tocar sua Red Bull na Mercedes do oponente e assumindo o P1.

Ao longo da corrida, bastante movimentada, o holandês só perdeu a liderança quando de suas idas para os box nas trocas de pneus.

A segunda colocação ficou com Lewis Hamilton, que cravou a melhor volta da prova e ficou com o ponto extra e a liderança do Mundial de Pilotos.

Lando Norris foi o terceiro colocado.

A Corrida – O GP em solo italiano começou antes mesmo da largada quando a chuva que caiu horas antes no circuito lavou a pista diminuindo assim o emborrachamento do asfalto dos dois dias de atividades, o que levou preocupação aos pilotos e aos estrategistas das escuderias.

Os carros foram para o grid de largada e permaneceram cobertos enquanto os integrantes das equipes usavam guarda-chuva para se proteger da fina precipitação que insistia em permanecer  na área autódromo.

No primeiro posto a Mercedes de Lewis Hamilton recebia uma atenção especial dos mecânicos na roda traseira direita, o que chamou atenção de todos.

Enquanto o horário da volta de apresentação se aproximava, a correria e a indecisão sobre quais compostos usar para a parte inicial da corrida era comum a todas as equipes e, diante da previsão de chuva leve para as primeiras 10 voltas, n o entanto, a maioria decidiu por usar o pneu para chuva leve, exceto Gasly, Shumacher e Mazepin.

Fato curioso foi a rodada de Charles Leclerc com a sua Ferrari na volta de apresentação e alemão Sebastian Vettel, que teve problemas no carro e largaria dos boxes.

Na largada Hamilton saiu forte, mas Max Verstappen, partindo da terceira posição, superou seu companheiro Sergio Pérez, acelerou forte, colocou sua Red Bull ao lado da Mercedes espremendo o pole position na primeira curva e chegando a tocar no carro de Hamilton danificando a lateral esquerda da asa do inglês.

Os pilotos nem completaram a primeira volta quando a Willians de Nicholas Latifi, que ao voltar para a pista tocou na Haas de Nikita Mazepin e bateu forte no muro levando a entrada do Safety Car.

Ainda com a presença do Safety Car, o alemão Mick Schumacher rodou e bateu no muro, quebrando o bico de sua Haas. O prejuízo para o filho de Michael Schumacher foi imenso, já que não estava aberto o pitline para que este pudesse parar para a troca do componente danificado.

Após seis voltas os pilotos voltaram a acelerar forte e Hamilton partiu para cima de Verstappen, trazendo com ele Charles Leclerc, em terceiro; Sergio Pérez, em quarto e Daniel Ricciardo completando os cinco primeiros.

Com a asa de sua Mercedes danificada, Hamilton não conseguia andar na mesma tocada de Verstappen que fechava a oitava volta em 1min36,303s contra 1min39,225s.

A AlphaTauri de Pierry Gasly, com pneus para chuva forte, perdia posições. Após 10 voltas Verstappen liderava com Hamilton em segundo; Leclerc em terceiro; Pérez em quarto; Ricciardo em quinto; Norris em sexto; Sainz em sétimo; Stroll em oitavo; Bottas em nono e Gasly em décimo.

Sergio Pérez  foi punido com  um Stop and Go (o carro fica parado por 10 segundos no box) por ter ultrapassado durante a volta com a presença do Safety Car.

Com o passar das voltas Hamilton conseguiu melhorando seu desempenho e passou a andar mais rápido, diminuindo a desvantagem para Max que, na 17º volta estava em 5,373s.

Outro piloto punido foi Sebastian Vettel porque a equipe deixou seu carro sem as rodas aos cinco minutos para a largada. O alemão teve de cumprir um Stop and Go (o carro fica parado por 10 segundos no box).

Na 27ª volta a Red Bull de Verstappen entrou nos box para a troca de pneus, voltando à pista com o composto médio, enquanto isso, Hamilton assumia a ponta e parava para a troca na volta seguinte colocando também os pneus médios, retornando à pista atrás de Max.

Na 31ª volta o sete vezes campeão da Fórmula 1 cometeu um erro que lhe custou caro quando tentou ultrapassar um retardatário, saiu da pista e bateu no muro, danificando por completo o bico.

Hamilton voltava à pista quando a Mercedes de Bottas foi tocada pela Williams de Russel e os dois foram parar no muro provocando uma nova entrada do Safety Car, fato bom para Lewis Hamilton que não perdeu tempo para o reparo de seu carro.

Por conta do acidente a corrida foi interrompida na volta 34 com a bandeira vermelha devido aos detritos na pista acabou saindo da pista.

Na relargada, Lando Norris supera Charles Leclerc e fica com a segunda posição, enquanto Verstappen seguiu na liderança após dar um susto ao sair da pista na volta de aquecimento. Hamilton vinha na oitava posição.

Na volta 37 Pérez, que estava em quarto, acabou saindo da pista, indo para a brita, mas conseguindo retornar na 14ª posição, beneficiando Fernando Alonso que pulou para o 10º posto, entrando na zona de pontuação. Hamilton andava forte e, naquele momento da prova, em sexto, marcava a melhor volta em vistas a recuperar a posição perdida quando de sua saída da pista.

O mexicano, em sua tentativa de escalar o pelotão encontrou o alemão Sebastian Vettel, que defendeu a 13ª posição com muita garra, provocando um bom momento para o expectador da corrida.

Na volta 52 Hamilton que trazia em sua cola Carlos Sainz Jr. aparecia em quarto, próximo a Leclec que perseguia Norris e Max seguia distante no P1.

Duas voltas seguinte Lewis consegue superar a Ferrari de Leclerc e partiu em busca do segundo posto ocupado naquele momento pela McLaren de Lando Norris.

Mesmo com um problema na embreagem, o jovem inglês segurava o experiente compatriota, mas na 59ª volta Hamilton assumia a segunda posição e partia para buscar a melhor volta da corrida, já que Max Verstappen igualava com ele em termos de resultados, uma vitória e um segundo lugar, mas liderava, momentaneamente, o campeonato por um ponto apenas, ponto esse dado para quem marcar a melhor volta da prova.

Na passagem seguinte, Lewis Hamilton conseguiu a melhor volta da prova com 1min18,261s, passando a liderar a disputa de pilotos.

Ao final, Max venceu com Hamilton em segundo, Lando Norris, em terceiro; Charles Leclerc, em quarto; Carlos Sainz Jr. em quinto; Daniel Ricciardo, em sexto; Lance Stroll, em sétimo; Pierre Gasly, em oitavo; Kimi Raikkonen, em nono e Steban Ocon completando os 10 primeiros colocados.

Fernando Alonso foi o 11º; Sergio Péres, 12º; Yuki Tsunoda, 13º; Antonio Giovinazi, 14º; Sebastian Vettel, 15º; Mick Schumacher, 16ºe Nikita Mazepin, 17º.

Não completaram a prova Valtteri Bottas, George Russel e Nicolas Latifi.

A próxima etapa do Mundial de Fórmula 1 acontece dia dois de maio com a realização do Grande Prêmio de Portugal, em Portimão.

Confira a classificação do Mundial de pilotos após duas etapas da temporada:
1) Lewis Hamilton, 44 pontos
2) Max Verstappen, 43 pontos
3) Lando Norris, 27 pontos
4) Charles Leclerc, 20 pontos
5) Valtteri Bottas, 16 pontos
6) Carlos Sainz Jr., 14 pontos
7) Daniel Ricciardo, 14 pontos
8) Sergio Pérez, 10 pontos
9) Lance Stroll, 7 pontos
10) Pierre Gasly, 4 pontos

Acompanhe o resultado final do GP da Emilia-Romagna
1) Max Verstappen (Red Bull/Honda)
2) Lewis Hamilton (Mercedes)
3) Lando Norris (McLaren/Mercedes)
4) Charles Leclerc (Ferrari)
5) Carlos Sainz Jr. (Ferrari)
6) Daniel Ricciardo (McLaren/Mercedes)
7) Lance Stroll (Aston Martin/Mercedes)
8) Pierre Gasly (AlphaTauri/Honda)
9) Kimi Räikkönen (Alfa Romeo/Ferrari)
10) Esteban Ocon (Alpine/Renault)
11) Fernando Alonso (Alpine/Renault)
12) Sergio Pérez (Red Bull/Honda)
13) Yuki Tsunoda (AlphaTauri/Honda)
14) A.Giovinazzi (Alfa Romeo/Ferrari)
15) Sebastian Vettel (Aston Martin/Mercedes)
16) Mick Schumacher (Haas/Ferrari)
17) Nikita Mazepin (Haas/Ferrari)
Não completaram a prova:
Valtteri Bottas (Mercedes)
George Russell (Williams/Mercedes)
Nicholas Latifi (Williams/Mercedes)

Texto: Robério Lessa.
Fotos: F1.

Copyright© 2007-2021 – carrosecorridas.com.br | Proibida a reprodução sem autorização

Tags: