Felipe Drugovich fecha testes como o mais rápido em Barcelona

25 de abril de 2021

A Fórmula 2 encerrou neste domingo (25) em Barcelona, na Espanha, sua segunda série de testes coletivos, com participação dos 22 pilotos e das 11 equipes que disputam a atual temporada. E o resultado final entre as seis sessões de três horas cada mostrou o brasileiro Felipe Drugovich, da equipe inglesa UNI-Virtuosi, como o mais rápido após a consolidação de todos os tempos.

Com 1:27.945, Drugovich foi o único piloto que entrou na casa de 1:27 por volta e considerou o final de semana extremamente positivo, com todos os objetivos alcançados. “Tínhamos como foco principal ‘entender’ os pneus médios, que ainda não havíamos testado, e também os duros em uma pista diferente do Bahrein, único autódromo em que andamos com estes novos compostos”, explicou Felipe Drugovich, 20 anos.

Outro objetivo alcançado pelo piloto de Maringá (PR) foi conhecer e se adaptar ao carro em outra pista, uma vez que o Autódromo do Bahrein foi a única pista que Felipe Drugovich pilotou pela nova equipe. “Guiei o carro da UNI-Virtuosi apenas nos testes coletivos de pós e pré-temporada e também na primeira etapa do ano. Agora, em Barcelona, pude conhecer o carro em uma pista diferente”, conta o piloto, sensação em sua temporada de estreia na Fórmula 2 em 2020, quando venceu três corridas e marcou uma pole position. “Gostei muito do carro, consegui me adaptar bem a ele neste novo cenário e me senti muito confortável em nossas simulações de classificação e corridas”, emendou Felipe Drugovich.

Felipe Drugovich e a UNI-Virtuosi testaram diversas opções de setup buscando especialmente minimizar o consumo dos novos pneus. “Este ano será muito importante trabalhar esse aspecto, pois o consumo de pneus foi bastante alto no Bahrein, na primeira etapa”, relembra Felipe Drugovich.

O balanço final de Felipe Drugovich para os três dias de testes coletivos em Barcelona foi bastante positivo. “Estamos muito felizes com os testes. Logicamente não podemos considerar 100% relevante para uma pista como Mônaco, que é nossa próxima etapa, mas saímos de Barcelona muito confiantes”, avalia Drugovich. “A equipe sempre teve bons resultados lá”, completou.

A rodada da Fórmula 2 em Mônaco, segunda etapa da temporada, será disputada entre os dias 20 e 22 de maio, novamente como evento preliminar da Fórmula 1. “Agora temos quase um mês até Mônaco, tempo para descansar e me preparar. Estou estudando a pista e o traçado o máximo possível, trabalhando no simulador e também assistindo vídeos, para buscar o melhor resultado”, finalizou Felipe Drugovich.

Felipe Drugovich tem o apoio de Drugovich Auto Peças, que atua no ramo de peças para caminhões e ônibus; da Jaloto & Drugovich, destaque nacional no segmento de transporte de cargas paletizadas; e da Stilo, fabricante italiana de capacetes.

 

 

Texto: KG COM Assessoria de Comunicação – Erno Drehmer/Divulgação

Fotos: Dutch Photo Agency/Divulgação

Copyright© 2007-2021 – carrosecorridas.com.br | Proibida a reprodução sem autorização

Tags: