Bruno Baptista assume segunda colocação no campeonato da Stock Car

16 de maio de 2021

O piloto Bruno Baptista deixou o Autódromo José Carlos Pace – Interlagos, onde, neste domingo, foi disputada a segunda etapa da Stock Car (Stock Car Pro Series), com objetivo cumprido.

Sua meta era manter o quarto lugar no campeonato, conquistado na primeira etapa, em Goiânia. Com o terceiro lugar que obteve na primeira prova e o 10º lugar na segunda, ele somou 34 pontos e subiu para a vice-liderança do campeonato. Com 65 pontos, está atrás de Daniel Serra que tem 68 pontos e lidera a competição.

“Nossa estratégia foi não abastecer o carro no pit stop da primeira prova, e abastecer o que precisava no pit stop da segunda. Por isso perdemos algumas posições ao voltar à pista. Mesmo assim, conseguimos sustentar bem nossa posição para terminar no top 10 da segunda prova. Alcançamos a liderança do campeonato. Nosso objetivo foi mais do que cumprido”, comemora Bruno Baptista, piloto da equipe RCM Motorsports, que tem apoio das empresas XP Private, Loctite, Oakberry, Pro Automotive, Hero, NGK do Brasil e Volt.

Carregando em seu carro um lastro de 15 kg, imposto aos dez primeiros no campeonato, Bruno havia conquistado a décima posição no grid de largada, mas acabou saindo da nona posição, com a punição que levou Serra, que iria largar da quarta posição, a cair para a última posição.

Ele largou bem, esquivou-se de incidentes iniciais, fechou a segunda volta em terceiro lugar, foi para segundo na oitava volta, chegou a liderar a corrida antes do pit stop, do qual voltou em terceiro, e nessa posição se manteve até o fim, resistindo às investidas de Cesar Ramos. Sem direito a usar o botão push to pass, foi o melhor entre os pilotos que correm com o Toyota Corolla na primeira prova.

Na segunda prova, que começou como grid invertido entre os dez primeiros colocados da corrida inicial, Bruno largou da oitava posição, evoluiu até a segunda, voltou do pit stop em 14º lugar, e avançou até o décimo lugar, em que terminou a prova, após o acidente de Gaetano Di Mauro, pouco antes do início da última volta, na reta principal, que encerrou a segunda corrida em bandeira amarela.

A primeira corrida foi vencida por Gabriel Casagrande e a segunda por Antonio Félix da Costa, que substituiu Ricardo Maurício.

A terceira e quarta etapas da Stock Car Pro Series 2021 serão disputadas em rodada dupla agendada para 19 e 20 de junho no autódromo Velocitta, em Mogi Guaçu (SP).

Confira a pontuação do campeonato após duas etapas:
1º – Daniel Serra – 68 pontos
2º – Bruno Baptista – 65 pontos
3º – Átila Abreu – 63 pontos
4º – Cesar Ramos – 62 pontos
5º – Denis Navarro – 58 pontos
6º – Gabriel Casagrande – 56 pontos
7º – Thiago Camilo – 47 pontos
8º – Cacá Bueno – 46 pontos
9º – Galid Osman – 45 pontos
10º – Diego Nunes – 40 pontos
11º – Guilherme Salas – 39 pontos
12º – Allam Khodair – 37 pontos
13º – Gaetano di Mauro – 34 pontos
14º – Ricardo Zonta – 32 pontos
15º – Rafael Suzuki – 31 pontos
16º – Ricardo Maurício – 29 pontos
17º – Pedro Cardoso – 27 pontos
18º – Felipe Massa – 22 pontos
19º – Julio Campos – 20 pontos
20º – Lucas Foresti – 17 pontos
21º – Christian Hahn – 13 pontos
22º – Tony Kanaan – 11 pontos
23º – Nelsinho Piquet – 9 pontos
24º – Guga Lima – 8 pontos
25º – Sergio Jimenez – 6 pontos
26º – Matías Rossi – 4 pontos
27º – Beto Monteiro – 3 pontos
28º – Rubens Barrichello – 3 pontos
29º – Gustavo Frigotto – 2 pontos
30º – Felipe Lapenna – 2 pontos
31º – Tuca Antoniazi – 1 ponto
32º – Marcos Gomes – 1 ponto

Texto: Estela Craveiro
Fotos: Carsten Horst/Vanderley Soares – Hyset e Duda Bairros/Vicar.

Copyright© 2007-2021 – carrosecorridas.com.br | Proibida a reprodução sem autorização

Tags: