Luppi e Justo fecham mais um dia entre os Top 10

10 de novembro de 2021

Mais dunas e aprendizado. Neste penúltimo dia (10) da 30ª edição do Abu Dhabi Desert Challenge, Rodrigo Luppi/Maykel Justo #405 imprimiram um ritmo forte e na briga com os ponteiros da categoria mas no Km 91 a quebra da barra traseira, em uma descida de duna, prejudicou o resultado da 4ª etapa. Ainda assim, completaram em 10º na T4. Este é o segundo rali dos brasileiros com o novo UTV preparado pela South Racing (Portugal) e todas essas informações estão sendo imprescindíveis para o acerto do carro para o Dakar 2022, que é o foco da dupla. A prova nos Emirados Árabes termina nesta quinta-feira, 11, e é válida pelo Mundial de Rally Cross Country.

Dia longo de 404 km pelo deserto, dos quais 251 de trecho cronometrado (Especial), e mais adversidades superadas pela dupla brasileira que vem se mostrando competitiva, no entanto, problemas mecânicos diários têm atrapalhado um melhor desempenho. “Nestes dois últimos dias me achei melhor na leitura das dunas, junto com a navegação e andamos mais forte, tanto que hoje estávamos brigando pela ponta, cerca de dois segundos atrás dos líderes até o Km 91 quando quebrou a barra traseira mais uma vez, isso tudo por causa da suspensão. Estamos com esse problema que precisa ser solucionado”, explica Luppi (Vinhedo/SP).

Segundo o piloto, foi certeira a escolha para disputar essa etapa do Mundial no deserto do Abu Dhabi para ajustes e treino: “Não está sendo nada fácil esse rali quebramos todos os dias mas completamos as quatro etapas. Por outro lado, tem sido muito bom e proveitoso para gente, como aprendizado e para identificar esses problemas aqui para resolvermos para o Dakar.”

Luppi fará sua estreia no maior rali do mundo em janeiro de 2022 e contará com a experiência de Justo, que já participou de 10 edições do Dakar, nas categorias caminhões, carros e UTVs, nos últimos anos. Assim como Luppi, o navegador de Taubaté/SP também disputa, pela primeira vez, o Abu Dhabi Desert Challenge e estreou no Rally do Marrocos, em outubro, quando a dupla foi vice-campeã nos UTVs T4.

Com o resultado desta 4ª etapa, os brasileiros perderam duas posições e estão em 9ª posição na classificação acumulada da categoria T4. Nesta quinta-feira, 11, os competidores encaram a última etapa do rali. Serão mais 216 km pela imensidão do deserto.

 

Texto: MSuzuki Comunicação/Divulgação

Fotos: @mchphotocz/Divulgação

Copyright© 2007-2021 – carrosecorridas.com.br | Proibida a reprodução sem autorização

Tags: